Este Blog permanece ativo 24 horas por dia e somente informa os que aqui chegam, com assuntos que circulam pela internet e jornais. Não categoriza nem afirma isso ou aquilo como verdade absoluta. Não pretende desenvolver uma doutrina, nem convencer ninguém. Mas apenas que possamos refletir em assuntos importantes de nosso dia-a-dia. Portanto, tudo que for postado são de conteúdo informativo, cabendo a cada um ter suas próprias conclusões.

sábado, 12 de março de 2016

Mente sã, corpo são.

Não faz muito tempo de postamos aqui algo relacionado ao assunto. Pois bem, o artigo é do site Galileu e levanta a questão de como o emocional age sobre o corpo. Sabemos bem que este está ligado ao pensamento, a forma como resolvemos as questões e encaramos as situações e o mundo. Os sintomas vão muito além de mostrar que há algo errado com o corpo - há algo errado com a mente, com o emocional e é justamente isso que precisamos buscar solucionar equilibrar. Jogar para escanteio nossas emoções e se encher de rivotril não ajudam em nada...

Bom vamos ao artigo:
Aideia de que fenômenos emocionais levam a alterações físicas é antiga. Em 1628, o anatomista inglês William Harvey (1578-1657) observou que todo mal-estar sentido na mente era direcionado para o coração. Hoje se sabe que o inconsciente interpreta e responde ao que chega ao cérebro por meio das terminações nervosas do corpo. É o que acontece quando levamos um susto, por exemplo.
Contra uma possível ameaça, o cérebro dispara reações para enfrentá-la ou fugir dela. “O coração acelera os batimentos para redistribuir o sangue para os músculos correrem ou lutarem e para o cérebro processar com rapidez toda essa situação. É por isso também que, para oxigená-los, a respiração fica mais rápida. É o chamado estresse, que envolve o sistema nervoso, hormonal e imunológico”, explica Artur Zular, presidente do Comitê Multidisciplinar de Medicina Psicossomática da Associação Paulista de Medicina.
Sem a fonte estressora, o corpo volta ao normal. Mas em caso de estresse permanente as coisas se complicam: os órgãos podem se esgotar, adoecer e o sistema imunológico tem sua ação inibida, facilitando o aparecimento de asma, alergias, gastrite, infecções e problemas cardíacos.
Fontes: Artur Zular, Presidente do Comitê Multidisciplinar de Medicina Psicossomática da Associação Paulista de Medicina; Ricardo Monezi, pesquisador do Instituto de Medicina Comportamental da Unifesp; e Sérgio Hércules, vice-presidente da Associação Brasileira de Medicina 

terça-feira, 9 de fevereiro de 2016

As Industrias das Epidemias

Não começa ou termina um ano sem que alguma nova anomalia apareça, porém elas são cíclicas. Em geral são vírus  descobertos na antiguidade e que de alguma forma para lá de misteriosa voltaram a tona. O fato é que quando ressurgem das trevas do capitalismo lá estão as industrias prontas para “salvar” a humanidade. No ano passado foi o Ébola e agora é a vez do Zika.
Mais de dez empresas ligadas a máfia farmacêutica disputam esse novo mercado de epidemias na forma de vacina, porém a dinastia Rockfeller foi mais esperta no passado e não perdeu tempo. Prevendo a expansão desse novo mercado, em 1947 já patentearam o Zika. Talvez essa batalha pela patente justifica o capitalismo selvagem para a liberação de uma vacina nos dias atuais:
patente zika
Os EUA, com sua lógica capitalista de empréstimos associada a ONU, já preparam os bancos para movimentar a política econômica de juros epidemiológicos. Para isso a ONU com seu tom alarmista já faz a sua regressão linear estatística e estima um verdadeiro surto, especialmente no Brasil. Ora, em um país que absorveu a corrupção como cultura já dá para esperar o resultado…Governo, Infectologistas corruptos, os banqueiros e a máfia farmacêutica brindam o retorno dessa epidemia, pois suas viagens com muito glamour estão garantidas.

quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Efeito Estufa é desmascarado!

Assista este entrevista, 2012,com o professor de climatologia da Universidade Federal de Alagoas, Luiz Carlos Molion sobre as mentiras Illuminati sobre o clima global e deixa claro que a intenção é a implantação da Nova Ordem Mundial.

Indústria 4.0 – O que é isso?

Primeiro tivemos pontos de inflexão; então as mudanças de paradigmas passaram a ser a moda. Agora estamos ouvindo falar de uma nova Revolução Industrial – Indústria 4.0
   De acordo com seus proponentes, é um novo método de produção que está criando a quarta revolução industrial. Realmente, mas o que é isso?
   Voltando um pouco – exatamente 250 anos –  as melhorias de James Watt  para a máquina a vapor de Newcomen no século 18 rapidamente iniciaram a primeira revolução industrial. Watt não inventou a máquina a vapor, mas numerosas inovações que aumentaram a produtividade da indústria têxtil em três ordens de magnitude. As fabricas mecanizadas haviam chegado.
   A segunda revolução industrial veio com a introdução da linha de montagem por Henry Ford em 1913, a qual resultou num grande aumento na produção do modelo T – perto de 15 milhões de unidades até a época em que o modelo deixou de ser feito em 1927. Logo, outras indústrias da manufatura estavam usando as linhas de montagem para aumentar a eficiência e produtividade assim como cortar custos. Os dias da produção em massa haviam chegado.
   A Terceira Revolução Industrial resultou na introdução do computador no chão de fábrica nos anos 70, resultando no crescimento da montagem automatizada. Para o trabalho mecânico, os computadores gradualmente substituíram os humanos, outro ponto de inflexão maior na produtividade, hoje, espelhando praticamente qualquer função que pode ser automatizada, fábricas altamente automatizadas fazem os produtos eletrônicos complexos que usamos a um preço que podemos pagar.

Indústria 4.0
    Mas, espere – há mais. A visão da Indústria 4,0 é para os sistemas “de Produção Ciber-Físicos” nos quais,sensores espertos dizem para as máquinas como elas devem ser processadas; os processos devem governar a si mesmos num sistema modular descentralizado. Sistemas embutidos espertos começam a trabalhar juntos comunicando-se sem fio, tanto diretamente como via uma ”nuvem” na Internet – A Internet das Coisas (Thing Internet ou IoT) – para uma vez revolucionar a produção. Os sistemas centralizados rígidos de controle das fábricas cedem agora seu lugar para inteligência descentralizada, com a comunicação máquina com máquina (M2M) no chão de fábrica. Esta é a visão da indústria 4,0 da Quarta Revolução Industrial.
   O conceito de Sistemas Ciber-Físicos (CPS) foi pela primeira vez definido pelo Dr. James Truchard, CEO da National Instruments em 2006, baseado na representação virtual de um processo de manufatura em software. Em janeiro de 2012, o Ministro federal da Educação e Pesquisa da Alemanha formou um grupo de trabalho do projetar uma estratégia de recomendações compreensivas para implementar a”Industria 4.0”, um termo adotado pelo grupo. O projeto Industria 4.0 é agora parte da Estratégia de Alta-Tecnologia do Governo Alemão, que está ativamente mantendo contato com parceiros do setor privado. Discussões sobre a Indústria 4.0 tiveram uma etapa central na Feira de Hannover de abril deste ano. Deveremos ouvir alguma coisa deles em breve.
   A indústria 4,0 é atualmente mais do que uma visão do que uma realidade, mas tem potenciais para alcançar conseqüências, e o conceito continua para envolver as pessoas como idéias de meios inovativos para ser implementada. Algumas coisas, entretanto, já estão claras:
  • Sensores estarão envolvidos em cada estágio do processo de manufatura, fornecendo os dados assim como o feedback que são exigidos pelos sistemas de controle.
  • Os sistemas de controle industrial se tornarão cada vez mais complexos e amplamente distribuídos, possibilitando um processo flexível e minucioso dos processos.
  • Tecnologias de RF interligarão os módulos de controle distribuídos em redes sem fio, habilitando os sistemas a serem reconfigurados em operação, de uma forma que não é possível com sistema conectados por fios e em sistemas centralizados de controle
  • A lógica programável terá um aumento de sua importância, já que Serpa impossível antecipar todas as mudanças ambientais que os sistemas precisam conhecer para ter uma resposta dinâmica.
  • Dispositivos embutidos espertos conectados estarão em toda a parte e, projetá-los e programá-los será uma tarefa que vai ser um desafio, sem falar num interessante reprojeto.

   Muitas das técnicas e tecnologias necessárias à implementação da Indústria 4.0 já existem atualmente. Por exemplo, o rádio, sensores, módulos GPS usados em diversos outros campos, podem facilmente seguir placas de circuito impresso dentro do chão de uma fábrica. A reviravolta da Indústria 4.0 é que em lugar de simplesmente se colocar um tag RFID e seguir passivamente uma placa dentro de uma linha de montagem linear, o módulo poderá fornecer muito mais informações do que um chip com pequena memória. Se a resposta à consulta ao for que o chip está acabando no estoque, ele pode informar isso e então todas as outras máquinas na fábrica podem ser reprogramar para fabricar os produtos com as peças em estoque, enviando a informação a um fornecedor remoto de que um novo item é necessário, automaticamente sendo enviado à máquina certa a tempo. Ao mesmo uma segunda fonte de fornecedores pode ser alertada. O resultado pode ser enormes economias em tempo e custos sem afetar o que as fábricas podem fornecer.

Revolução ou Evolução?
   As Revoluções Industriais não ocorreram numa noite, e nem reconhecida como tal na época. Do seu lado, a Indústria 4.0 pode ser ou não ser reconhecida como revolucionária tanto como evolucionária no retrospecto. Assim, é é uma consequência natural da comunicação M2M tanto automatizar o chão de fábrica como suas predecessoras ela deve resultar em produtos de menor custo que significarão no fundo benefícios para todos.
   Tanto faz evolução como revolução, a produção industrial será muito mais eficiente. Fiquem ligados para mais desenvolvimentos excitantes. Melhor ainda, faça-os acontecer.

A Pressão que funciona

Como toda a gente sabe, a medicina chinesa é bastante sábia, afinal, trata-se de conhecimentos milenares.

O que se segue é uma técnica muito interessante feita a partir de pontos específicos dos nossos pés, já que eles estão ligados a vários órgãos do nosso corpo.

Sendo assim, se a gente estimular os pontos certos, podemos obter melhoras na nossa saúde.

Tai Chong, por exemplo, é um ponto localizado entre o dedo grande (dedão), e o segundo dedo do pé, exatamente como está na imagem que ilustra este artigo.


Pressiona estes pontos por 2 minutos e vê o que acontece ao teu corpo! É impressionante!

pointos_pes
  • Quando estimulamos este ponto estamos a:

  • Tratar dores de cabeça

  • Reduzir o stresse

  • Controlar a raiva

  • Aliviar dores lombares

  • Tratar pressão arterial elevada

  • Aliviar cólicas menstruais

  • Combater dores nos membros

  • Combater insónia e ansiedade

  • Ajudar o bom funcionamento do fígado

  • Melhorar os problemas digestivos

  • Combater dor genital

  • Aliviar dores na cabeça

  • Agir contra aftas

  • Tratar problemas oculares

Fantástico, não é?

Os cientistas chineses comprovaram até que a acupuntura no Tai Chong pode tratar com eficiência problemas de depressão.

Para desfrutar dos benefícios, faça o seguinte:

  • Deslize o dedo ao longo do espaço entre o primeiro e o segundo dedo do pé até chegar ao ponto em questão.

  • Feito isso, aplique certa pressão e massaje a área por 2 ou 3 segundos (sempre no sentido anti-horário)

  • Em seguida, dê uma pausa de 5 segundos.

  • Repita esse procedimento várias vezes até atingir o tempo de 2 minutos.

  • Nunca faça este procedimento quando se sentir fraco ou com pouca energia.

Muitofixe Via

terça-feira, 22 de dezembro de 2015

Aborto

Toda vez que uma mulher casada compra um produto contraceptivo muito provavelmente ela está financiando a IPPF (Federação Internacional de Planejamento Familiar) e seu horrendo trabalho de contracepção, aborto e educação sexual, inclusive a agenda de gênero. Ela se torna financiadora dessa agenda maligna. Ela se torna culpada por ignorância.

Obviamente, o governo tem sua culpa na agenda de gênero. Mas há outros culpados, mais por ignorância do que por maldade.

A maior entidade de planejamento familiar do mundo, a Federação Internacional de Planejamento Familiar (conhecida pela sigla IPPF), é a maior promotora mundial de contracepção, aborto e educação sexual, inclusive a agenda de gênero. A IPPF é culpada por maldade.
A IPPF está por trás da legalização do aborto em vários países, inclusive nos EUA.
A IPPF ajudou a financiar a invenção da pílula anticoncepcional, que tem também função micro-abortiva.
A IPPF foi fundada pela ocultista americana Margaret Sanger.
O melhor livro sobre a IPPF e suas origens tenebrosas foi escrito pelo pastor presbiteriano George Grant. O título é: “Grand Illusions: The Legacy of Planned Parenthood” (Grandes Ilusões: O Legado do Planejamento Familiar). Recomendo esse livro porque eu o li pela primeira vez há 22 anos. Desde então, eu o reli várias vezes. Para comprá-lo em inglês, clique aqui.
Hoje, as grandes empresas farmacêuticas que vendem produtos contraceptivos destinam parte de seus lucros para vários grupos de controle populacional, especialmente a IPPF, como gratidão pelo trabalho que essa entidade faz alastrando o planejamento familiar no mundo inteiro.
Resumo: toda vez que uma mulher casada compra um produto contraceptivo muito provavelmente ela está financiando a IPPF e seu horrendo trabalho de contracepção, aborto e educação sexual, inclusive a agenda de gênero. Ela se torna financiadora dessa agenda maligna. Ela se torna culpada por ignorância.
Mas agora que você não mais está inocente sobre a realidade, o que você fará?
Você continuará a financiar a ideologia de gênero?
Fonte: Julio Severo

quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Papa Gaio, Isso é o Fim.

Em um discurso na ONU, dia 29/9/2015, o Papa Francisco se atreveu a dizer que a cruz foi um fracasso humano para Cristo, quando a mesma Bíblia que ele também estuda, acho, diz que Cristo triunfou "e, tendo despojado os poderes e as autoridades, fez deles um espetáculo público, triunfando sobre eles na cruz." Colossenses 2:15.



quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Aumentou 58% o Gelo ártico plurianual.

Aumentou 58% o gelo ártico plurianual.

Ao longo dos últimos três anos, a quantidade de gelo plurianual   no Ártico tem aumentado em 58% . O mais velho e mais espesso  gelo de cinco anos de idade aumentou em 147%. A área de gelo de quatro anos de idade  irá quase duplicar nos próximos meses, e a área de gelo de mais  5 anos  vai aumentar substancialmente.

Ainda mais preocupante para os fraudadores climáticos é que este enorme aumento está ocorrendo no lado do Alasca do Ártico, onde será preservado e ficará  mais velho e mais espesso durante o próximo inverno.

O Ártico está retornando ao estado em que estava durante a década de 1990, mas você não vai ouvir qualquer jornalista idiota da TV ou jornal dizer a verdade. Eles vão dizer só aquilo que a fraudadora NOAA/NASA e o NSIDC manda falar, e assim para eles o gelo ártico está  totalmente  no meme “espiral da morte”.

Especialistas em clima dizem que pode parar o derretimento glacial, mas os fraudadores de plantão vão sempre mentir porque eles são criminosos pagos para mentir.

Mas como de costume, para o momento  é melhor ficar com os fatos, e como vemos os gráficos mostram o oposto!

SAND-RIO

https://stevengoddard.wordpress.com/2015/08/22/58-increase-in-arctic-multi-year-ice-over-the-last-three-years/

https://sandcarioca.wordpress.com/2015/08/13/estamos-agora-comecando-a-ver-um-arrefecimento-dramatico-no-artico-extremamente-frio-de-2025-para-2050/

Via: Sand Carioca

terça-feira, 22 de setembro de 2015

Os mais terríveis instrumentos de tortura usados pela Inquisição em nome da religião

FiliPêra
torture-06
[Nota: Esse post não é para fracos]
Você provavelmente estudou sobre a Idade Média, ou como ela também é conhecida: Idade das Trevas. Talvez na época você fosse uma criança, ou adolescente, e a professora não queria te chocar - ou desconhecia o assunto profundamente -, então provavelmente deixou de fora a parte mais pesada da coisa, que incluía torturas maníacas como nunca se viu, e que só devem encontrar paralelo nos delírios de Stalin, Pol Pot, ou dos carcereiros de Abu Ghraib.

Apesar de haver exceções, em sua maior parte o período foi exatamente isso: Trevas. Muitos historiadores colocam a culpa nas invasões bárbaras, e em como esses povos eram primitivos, mas o fato é que grande parte do atraso se deve aos sucessores do todo-poderoso Império Romano: a Igreja Católica. É só ver o rumo que tomou a Filosofia, as Artes e a Ciência para ver que estava tudo nas mãos da Igreja. Um caso clássico é o de Galileu Galilei, que teve de voltar atrás nas suas descobertas sobre a questão da translação da Terra, porque suas teorias iam de encontro ao pensamento (errôneo) imposto pela Igreja.

Também existiu o que ficou conhecido como Index Librorum Prohibitorum, que era uma lista de livros proibidos pela Igreja na época, administrada pelo Santo Ofício (que parece menos inócuo chamado por seu nome mais conhecido: Inquisição), que não por coincidência foi criado na mesma época que o protestantismo começou a assombrar a supremacia dos Católicos, por volta do século XVI. Para você ter uma idéia do atraso da Igreja, ela só foi abolir oficialmente o Index - que incluía em suas proibições, gente como os escritores Voltaire, Alexandre Dumas e Jean-Paul Sartre, e os cientistas Galileu Copérnico, Descartes e Pascal - no ano de 1966.

Mas essa escuridão cultural e conservadora foi uma das facetas mais amenas da Igreja Católica na Idade Média. Os piores momentos foram reservados aos distintos senhores responsáveis pelo Tribunal de Santo Ofício! Inicialmente, de acordo com relatos históricos medievais, a Inquisição foi criada para combater o sincretismo religioso, em 1184, que unia a fé católica a cultos pagãos e realizavam adivinhações utilizando coisas como plantas.

Mas as atribuições da Inquisição foram se tornando cada vez maiores. Além de iniciar uma campanha - é necessário que se entenda que mesmo tendo uma organização unificada, com um representante perante o Papa, os Tribunais eram mais ou menos independentes, assim como os Poderes Judiciários de hoje, sendo instalados onde tinham focos de heresias e outros pecados - contra o sincretismo, a Inquisição ficou a cargo de julgar crimes/pecados como heresias, adultérios, feitiçaria (esse levou muita gente pra fogueira), além de colocar a culpa nessa gente de toda a sorte de desgraça que ocorria no local em que estava instalado o Tribunal.

Logicamente, com tamanho poder, os Tribunais impunham punições políticas e econômicas, de forma a aumentar a expansão da Igreja na época. Dessa forma, as penas mais leves, geralmente vistas como alívio, era o confisco de bens, além de flagelos públicos, e desfiles com roupas de hereges. Com a vasta quantidade de penas aplicada, não é difícil entender porque a Igreja foi relativamente a instituição mais rica da história. Com ela, enriqueciam os reis que a apoiavam, como era o caso dos espanhóis.

E os relatos dizem que os Inquisidores eram eficientes. O mais famoso deles, o espanhol Tomás de Torquemada, foi o responsável por diversas campanhas contra judeus e muçulmanos na Espanha. E para chegarem a esse nível de eficiência, os inquisidores - a exemplo dos homens responsáveis peloGulag - eram criativos. Necessitavam espalhar o terror para que todos tivessem medo deles, e para isso abusavam de instrumentos sem precedentes na história humana, com o intuito de causar dor extrema, sem, contudo, matar o herege, dando tempo pra ele confessar seus pecados (ou dizer onde escondeu a herança dos avós dele)!

Dizem que a tortura nessa época não era tão comum quanto a gente pensa, mas fica difícil afirmar isso após dar uma olhada nessa lista de aparelhos que parecem ter saído de uma filme de Hellraiser, ou Jogos Mortais.

a368_Breast
O Arranca-Seios
Este é um instrumento usado primordialmente em mulheres, geralmente acusadas de abortos ou de adulterarem. Seu uso era simples, e consistia em esquentar o aparelho numa fogueira, prende-lo no seio exposto da vítima, e depois arranca-lo vagarosa ou lentamente, dependendo do que o inquisidor queria causar. Logo depois se deixava a mulher sangrando para que pudesse morrer de hemorragia, ou que fosse levada a loucura pela dor.

a368_Saw
A Serra
A imagem já explica toda a diabrura desse instrumento, mas tem um adendo: o fato da vítima ser virada de cabeça pra baixo tem uma explicação científica. Com o sangue descendo todo para o cérebro, a vítima não desmaiava enquanto sofria de dores extremas, como é normal no corpo humano. Ao invés disso, ela só morria quando a serra chegava no abdômen, quando os serradores paravam, e esperavam que a pessoa terminasse sua agonia, o que poderia durar horas. Seu uso era muito incentivado pelo fato de serras serem baratas e facilmente encontradas em muitos cantos.

a368_Judas
O Berço de Judas
Esse instrumento era um pouco mais elaborado que o clássico empalamento popularizado por Vlad, o Drácula, mas parece muito pior, devido a lentidão com que a dor era infringida. A vítima era colocada com o ânus ou a vagina sobre a ponta do berço e era lentamente baixada através de cordas amarradas a ela. Parece simples, mas existe agravantes aí. Se ela demorasse a morrer - o que poderia levar dias - poderiam ser amarrados pesos nas suas pernas, para dar uma acelerada no processo. Mas se quisessem o efeito contrário, a vítima sofria sozinha. Fora que nunca lavavam o aparelho, o que produzia infecções dolorosas.

a368_Rack
O Rack
A vítima era colocada nessa mesa, e cordas eram amarradas nos seus membros superiores e inferiores. Um algoz se punha a enrolar a corda vagarosamente, até que as articulações se deslocassem, o que causava dor extrema na vítima. Alguns algozes mais afoitos chegavam a arrancar braços e pernas, matando por hemorragia. Mais tarde foram incorporadas lanças para estocar a vítima enquanto ela ia sendo esticada…

9
A Pêra
Esse era o instrumento favorito a ser usado contra adúlteras e homossexuais. Esse aparelho era inserido no ânus ou na vagina (ou boca, se ele fosse um mentiroso) da vítima e através daquele engenho na ponta, ele se abria em duas partes ou mais partes, dilacerando o interior do inquirido. Raramente levava a morte, mas na verdade ela era, geralmente, apenas o início das dores do acusado.

a368_Splitter
O Corta-Joelhos
Os joelhos do acusado eram colocados no meio dessas garras, para serem esmagados lentamente. Às vezes, o aparelho - um dos preferidos pelos espanhóis - era aquecido, para aumentar a dor da vítima. Outras partes do corpo eram colocadas nas garras, como os pulsos, cotovelos, braços, ou as pernas. A idéia era inutilizar as articulações da vítima, ou o método servir como o início da tortura, visto que não era mortal em grande parte dos casos.

a368_Crusher
O Triturador de Cabeças
Outro preferido e aperfeiçoado pelos espanhóis! A cabeça do inquirido era coloca numa barra de ferro, com o queixo apoiado na barra - algumas tinham recipientes especiais para os globos oculares - enquanto seu crânio era lentamente esmagado. O primeiro a quebrar era o maxilar, e algumas dezenas de minutos depois, a morte, após dores lancinantes. O cérebro às vezes escorria pelo nariz, ou pelas orelhas no processo, podendo o método ser usado como tortura, caso o algoz escolha ficar horas parado, apenas fazendo perguntas.

a368_Impalement
Empalamento
Drácula, ou Vlad, O Empalador; foi o inventor desse aqui, na Romênia do século XV, de acordo com a tradição. A vítima era colocada sobre uma estava grande e pontuda. O tempo entre o início da punição e a morte, levava em torno de três dias. Alguns carrascos tinham cuidado para que a estaca entrasse no ânus e só saísse acima do queixo da vítima, o que aumentava a dor da vítima. Acredita-se que Vlad fez isso em torno de 20.000 a 300.000 vezes.

file.php
Dama de Ferro
Provavelmente o mais famoso e conhecido método de tortura medieval. A vítima era colocada dentro dessa câmara de madeira cheia de pregos e superfícies pontudas, que continha uma abertura para que se pudesse interrogar a vítima, ou enfiar facas. Os pregos de dentro da Dama não atingiam os pontos vitais, com o intuito de atrasar a morte do torturado. Geralmente as regiões furadas eram os olhos, braços, pernas, barriga, peito e nádegas.

mesa de esviceracao
Mesa de Evisceração
O torturado era deitado numa superfície com os pés e mãos imobilizados e logo acima dele existia uma manivela com espinhos. Um carrasco fazia uma incisão na altura do estômago e com um gancho preso a uma corrente, e através dele era retirado um pedaço do intestino, que era preso na manivela. Aos poucos a manivela era girada, e o intestino era enrolado nela.

quinta-feira, 17 de setembro de 2015

Lindo Husky - Lobo do Ártico



Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog
Credit: @loki_the_wolfdog

segunda-feira, 3 de agosto de 2015

Templo Satânico apresenta escultura de ídolo pagão (Imagem de Baphomet) e gera polêmica nos EUA


AP
A estátua foi apresentada em uma cerimônia particular no sábado, em Detroit

O corpo é de um homem musculoso, cabeça e patas de um bode com barba e chifres, tem grandes asas, exibe um pentagrama na testa e o que parece com um bastão de Esculápio à frente do abdome, um antigo símbolo associado ao deus grego de mesmo nome e à Medicina.
Esta é uma estátua do ídolo pagão Baphomet (ou Bafomé) que o grupo religioso Templo Satânico inaugurou em Detroit, nos Estados Unidos. Além de todos estes símbolos e representações, a estátua também aponta dois dedos para o céu e está cercada por um menino e uma menina.
No website dos organizadores do evento, a inauguração da estátua - ocorrida no último sábado - foi anunciada como uma "noite de caos, ruído e libertinagem" onde apenas maiores de 18 anos poderiam entrar.
"Venha dançar com o diabo e viver a História enquanto ela é escrita", continuava o convite.
A escultura apresentada pelo Templo Satânico é de bronze e pesa uma tonelada e meia. Tem 2,59 metros de altura e foi inaugurada em um edifício industrial perto do rio Detroit, pouco antes das 11h30 da noite. O local exato da inauguração só foi informado para os participantes por email poucas horas antes do evento e a estátua não pôde ser vista pelo público em geral.
Os organizadores afirmam que apresentaram a estátua desta forma, em segredo, para "reduzir a perseguição", de acordo com declaração de um dos fundadores da organização, Lucien Greaves.
Por perseguição, Greaves se referia a cerca de 50 pessoas que protestaram do lado de fora do restaurante no qual, inicialmente, o Templo Satânico pretendia mostrar a estátua pela primeira vez.

AP


Mas, o plano teve que ser cancelado pois o dono do restaurante, Bert Dearing, desistiu de realizar o evento.
"Detroit é uma área muito religiosa. Quando aluguei este lugar acreditei que se tratava de uma igreja. Não sabia da apresentação da estátua. Não sabíamos que eram adoradores do diabo", disse Dearing.
Dearing também mandou celebrar missas contra Baphomet, como a celebrada no sábado em uma das igrejas católicas da cidade, a de Saint Joseph, a mais popular do Estado americano de Michigan.
"A última coisa que precisamos em Detroit é de uma festa de boas vindas para o diabo", disse a jornalistas Dave Bullock, pastor da igreja batista de St. Matthew, em Highland Park, uma cidade da área metropolitana de Detroit.

Além da cabeça e patas de bode, tem o corpo de um homem e está rodeado por crianças

AP


Foi organizado um protesto contra a inauguração da estátua

A organização Templo Satânico, com matriz em Nova York e representação em vários pontos dos Estados Unidos, reivindica para si Satã, mas não o considera um ser diabólico.
Segundo a explicação no site da organização, Satã é entendido pelos membros como "símbolo da natureza inerente do homem, a representação do eterno rebelde, da liberdade individual, mais que uma deidade ou um ser sobrenatural".
Para o grupo, os satanistas devem "trabalhar muito para afiar o pensamento crítico e exercitar o questionamento razoável de todas as coisas".
"A missão do Templo Satânico é encorajar a benevolência e a empatia entre as pessoas. Além disso, abraçamos o sentido comum e o sentido da justiça".
Por isso, eles alegam no website que a escultura é um "chamado às armas com que terá início nossa maior luta em nome da liberdade individual, do livre exercício e contra os teocratas egoístas".
AP
Também foram celebradas missas contra a iniciativa do Templo Satânico
E, em sintonia com estes discurso, a intenção dos organizadores é levar Baphomet ao Estado do Arkansas, cujo governador, o republicano Asa Hutchinson, firmou em abril um projeto de lei que autorizaria a construção de um monumento aos Dez Mandamentos nos terrenos do Congresso do Estado.

Oklahoma

O Templo Satânico já havia tentado colocar a escultura em um jardim perto do Congresso do Estado de Oklahoma, perto do obelisco dos Dez Mandamentos, instalado no lugar em 2012 apesar das dúvidas sobre a constitucionalidade do monumento.
O obelisco dos Dez Mandamentos é dedicado, como se pode imaginar, ao conjunto de princípios éticos e de adoração que têm um papel importante no judaísmo e cristianismo e foi financiado pelo republicano Mike Ritze, membro da Câmara Baixa do Congresso estadual.
AP
A Suprema Corte de Oklahoma concluiu que a estátua dos Dez Mandamentos, colocada em terreno público, viola a Constituição do Estado
Para evitar conflitos relativos à separação da Igreja e do Estado ao colocar tal monumento em uma propriedade pública, o batizaram de parque monumental.
Mas agora, depois de anos de polêmica e batalhas legais, no dia 30 de junho a Suprema Corte de Justiça de Oklahoma concluiu que a peça viola a Constituição do Estado que proíbe a utilização de propriedades do governo em benefício de uma religião.
Diante disto, vários legisladores estaduais ameaçaram tentar a destituição dos juízes da Suprema Corte de Oklahoma e se comprometeram a apoiar mudanças na Constituição do Estado.
A governadora republicana do Estado, Maria Fallin, anunciou que vai manter o monumento no lugar até que o Estado entre com um recurso contra a decisão da Suprema Corte.
Enquanto isso, mesmo que Baphomet não tenha sido colocado em lugar público, o Templo Satânico comemorou sua inauguração com gritos "viva Satã".
"É um triunfo artístico único, um testamento da pluralidade e do poder da ação coletiva", informou o grupo em seu site.