Este Blog permanece ativo 24 horas por dia e somente informa os que aqui chegam, com assuntos que circulam pela internet e jornais. Não categoriza nem afirma isso ou aquilo como verdade absoluta. Não pretende desenvolver uma doutrina, nem convencer ninguém. Mas apenas que possamos refletir em assuntos importantes de nosso dia-a-dia. Portanto, tudo que for postado são de conteúdo informativo, cabendo a cada um ter suas próprias conclusões.

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Segurança no Trabalho


Nada de estranho nisso - exceto que ele está a uma altura incrível do chão em um prédio na praia de Jumeirah, em Dubai.

Ele saiu para a plataforma estreita e, segurando apenas na moldura da janela, estica-se todo para limpar uma mancha irritante.

O inferno para o couro: Um limpador de janelas leva sua vida em suas próprias mãos no chão de um bloco de 34 apartamentos da praia de <span class=

Um limpador de janelas, leva sua vida segura em suas próprias mãos nas janelas de um bloco, a 34 andares de altura, da praia de Jumeirah.

Como ele leva a vida em suas próprias mãos, pelo menos ele tem o bom senso de segurar a moldura da janela, a única coisa que está ao seu alcance, diz ele.

Um residente de um bloco vizinho que fez essas fotos disse: "A limpadores profissionais usam cintos de segurança, gaiolas e capacetes. Ele não usa nada. "

Esticando um ponto: o limpador de vidros usa um pincel de cabo longo para alcançar os cantos

Quando se trata de segurança entre os trabalhadores imigrantes, as autoridades de Dubai apresenta fiscalização duvidosa.

As condições dos imigrantes para o trabalho tem sido tema de discussão nos Emirados Árabes Unidos por muitos anos.

No entanto, a maioria destes funcionários não têm voz, especialmente quando se trata de sua própria segurança. Eles também estão cientes de que, se forem deportados, existem milhares de pessoas dispostas a assumir o seu lugar.

Está chegando a ´´Hora``...

Em quem vai votar? Que bom, é uma boa escolha?

Isso não importa agora, o que vale é você cumprir com o dever de cidadão e comparecer para escolher aquele que você acha que é honesto, que não se corromperá, que não é subornável, que não fará conchavos, não roubará a nação e que trate os cidadãos com justiça. Difícil, mas teria que ser assim.

Comportemo-nos com decência, como quem age à luz do dia, não em orgias e bebedeiras, não em imoralidade sexual e depravação, não em desavença e inveja.

Mas se aquele que você escolheu honestamente, não vencer, tenha paz no coração e saiba que você fez o melhor.

Veja isso:

Todos devem sujeitar-se às autoridades governamentais, pois não há autoridade que não venha de Deus; as autoridades que existem foram por ele estabelecidas, seja quem estiver lá.

Portanto, aquele que se rebela contra a autoridade está se colocando contra o que Deus instituiu, e aqueles que assim procedem trazem condenação sobre si mesmos.

Pois os governantes não devem ser temidos, a não ser pelos que praticam o mal. Você quer viver livre do medo da autoridade? Pratique o bem, e ela o enaltecerá.

Pois é serva de Deus para o seu bem. Mas se você praticar o mal, tenha medo, pois ela não segura a espada sem motivo. É serva de Deus, agente da justiça para punir quem pratica o mal.

Portanto, é necessário que sejamos submissos às autoridades, não apenas por causa da possibilidade de uma punição, mas também por questão de consciência.

É por isso também que pagamos imposto, pois as autoridades estão a serviço de Deus, sempre dedicadas a esse trabalho.

Dêem a cada um o que lhe é devido: Se imposto, imposto; se tributo, tributo; se temor, temor; se honra, honra.

Não devam nada a ninguém, a não ser o amor de uns pelos outros, pois aquele que ama seu próximo tem cumprido a lei.


Fonte

Contador de acesso e visitas

Formulario Renavam pela internet

Logo RENAVAM Formulario Renavam pela internet
Agora o Formulario Renavam está disponível na internet, o mesmo é indispensável no caso de transferência do veículo, tem seu preenchimento visto como um bicho de sete cabeças, por isso seu preenchimento as vezes tem um preço alto, cobrado pelos despachantes.

Seu preenchimento deve ser feito corretamente, por isso é importante ficar atento as letras que ficam no canto esquerdo do formulário, nesse caso cada uma é correspondente a uma opção, você deve entrar em contato com o Detran para fazer o preenchimento corretamente.

Acessando o site do Detran os interessados podem adquirir mais informações sobre o correto preenchimento, essa pesquisa é muito importante, pois o custo que os despachantes cobram para fazer o preenchimento deste documento.

Os preços variam de R$ 100,00 a R$ 250,00, por isso se informar e fazer o preenchimento por conta própria é uma boa opção. Todas as informações necessárias estão diponíveis no site do Detran, www. detran.sp.gov.br , consulte o site.

O Formulario Renavam se encontra no site do Detran, clique aqui para adquiri lo. Esperamos que dessa forma os interessados consiga fazer de forma correta, sem ter que gastar com taxas absurdas para despachantes.


Que infelicidade do arbitro - Apanha das duas equipes...




Contador de visitas

Qual a diferença entre voto em branco e voto nulo?

Na prática, não há mais diferença entre um e outro. Nenhum deles conta na hora de fazer a soma oficial dos votos de cada candidato. Desde 1997, quando houve uma mudança na legislação eleitoral, os votos brancos e nulos passaram a ter significado quase idêntico, ou seja, não ajudam e nem atrapalham a eleição. Como muita gente não sabe disso, a confusão persiste.

O voto nulo ocorre quando o eleitor digita, de propósito, um número errado na urna eletrônica e confirma o voto. Para votar em branco, o eleitor aperta o botão "branco" do aparelho. Antes de existir urna eletrônica, quem quisesse anular o voto rasurava a cédula de papel ? tinha gente que escrevia palavrão e até xingava candidatos. Quem desejasse votar branco, simplesmente deixava de preencher os campos da cédula.

As dúvidas sobre esse assunto sobrevivem porque, até 1997, os votos em branco também eram contabilizados para se chegar ao percentual oficial de cada candidato. Na prática, era como se os votos em branco pertencessem a um "candidato virtual". Mas os votos nulos não entravam nessa estatística.

Com a lei 9.504/97, os votos em branco passaram a receber o mesmo tratamento dos votos nulos, ou seja, não são levados em conta. A lei simplificou tudo, pois diz que será considerado eleito o candidato que conseguir maioria absoluta dos votos, "não computados os em brancos e os nulos".

Mas por que então os votos em branco eram contabilizados antes? Há controvérsia sobre isso. Alguns juristas e cientistas políticos sustentam que o voto nulo significa discordar totalmente do sistema político. Já o voto em branco simbolizaria que o eleitor discorda apenas dos candidatos que estão em disputa. Daí, ele vota em branco para que essa discordância entre na estatística. Porém, depois da mudança da lei essa discussão perdeu o sentido, já que tanto faz votar branco ou nulo.

Vale a pena lembrar também que nas últimas eleições tem circulado e-mails que pregam anular o voto como forma de combater a corrupção na política.

Esses textos dizem que se houver mais de 50% de votos nulos e brancos a eleição será cancelada e uma nova eleição terá de ser marcada, com candidatos diferentes dos atuais. Puro engano. Tudo isso não passa de leitura errada da legislação, segundo as mais recentes interpretações do próprio TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Está Chegando a Hora...

Contador gratuito

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Menos fiéis, mais dinheiro para as igrejas


http://i.lidovky.cz/10/093/lngal/ANI3601a9_cirkev.JPG

No país mais ateu da Europa, "o número de cristãos está diminuindo mas a arrecadação aumenta", isso porque o Estado tem de pagar mais", as igrejas são financiadas pelo Estado.

Segundo as estatísticas, o número de católicos e protestantes, na República Checa, passou de 32,2% da população, em 2001, para 25%, em 2009, dos a
quais penas 10% oram e frequentam regularmente a igreja. Mas, ao mesmo tempo, o número de sacerdotes aumentou de 3500 para 4754. Em 2009, o Estado desembolsou 55 milhões de euros, salienta este diário de Praga.

Os Cristãos estão diminuindo cada vez mais. Por isso, o Estado deve pagar mais e mais às Igrejas.

PRAGA - A república Checa paga salários a um grande número de pessoas religiosas, mesmo que essa tendência seja a longo prazo. Apenas no ano passado, o Estado tinha, em relação a 2008, que adicionar aos vencimentos do clero, 31 milhões.

´´Ós Salários dos oficiais da Igreja e do clero, serão reduzidos em dez por cento em relação aos salários das pessoas pagas pelo Estado``, disse o ministro da Cultura, George LN Besser.

Comparado a 2000, os gastos subiram duas vezes. E quanto mais sacerdotes, mais dinheiro, Nos últimos dez anos, surgiram mais de 200 novos sacerdotes com direito a salários, e estão agora num total de 4.754.


Presseurop
Lidovky
Contador

Santos 1 Vasco da Gama 3 - 28.09.2010




Contador visitas

domingo, 26 de setembro de 2010

Irã reconhece ataque eletrônico contra seus sistemas industriais

TEERÃ - O Irã reconheceu que os sistemas informáticos de dezenas de indústrias foram atacados por um vírus denominado Stuxnet, que segundo alguns especialistas ocidentais poderia ter sido projetado para tentar frear o controvertido programa nuclear iraniano.

"Tendo em vista que usamos contra-ataques nos sistemas controlados pelo Estado, este venenoso software foi menos efetivo. Não houve nenhum dano importante", revelou o ministro de Telecomunicações iraniano, Reza Taghipour, citado hoje pelo jornal local Irã.

O ministro admitiu, no entanto, que sistemas menos protegidos foram infectados por este vírus que se infiltra através de portas USB e explora a vulnerabilidade do sistema operacional do Windows.

"Equipes especiais de operações começaram a limpar os sistemas informáticos industriais e se puseram em alerta para atuar caso esta ameaça se torne muito mais séria", acrescentou Taghipour.

Abaixo-Assinado contra o PNDH-3

sábado, 25 de setembro de 2010

Aparelho de TV recebe vídeo pela internet

Renato Cruz, de O Estado de S. Paulo
Começam a chegar ao Brasil serviços em que o espectador aluga filmes direto da internet, na televisão, competindo com a TV por assinatura

SÃO PAULO - Enquanto o mercado assiste à polêmica sobre a entrada das teles no mercado de TV paga, com um projeto de lei para o setor à espera da votação no Senado, o conteúdo começa a chegar aos televisores brasileiros por outros meios. Serviços que permitem baixar vídeos da internet diretamente no televisor ameaçam tornar, daqui a algum tempo, essa discussão obsoleta.

Há alguns anos, as operadoras de telefonia apostavam numa tecnologia chamada IPTV (sigla de televisão por protocolo de internet) para oferecer vídeo por meio de sua infraestrutura. Apesar de usar a tecnologia da internet, essa solução criaria redes controladas, como a da TV paga. O panorama mudou.

A Telefônica começou a vender este mês seu serviço On Video, em que o cliente paga R$ 19,90 por mês por um conversor que é ligado diretamente na banda larga, e pode alugar filmes baixados via internet pela Saraiva, a partir de R$ 3,90, e assistir a conteúdos do Terra. Esse equipamento concorrerá com a Apple TV e o Google TV, que ainda não estão no Brasil, e com os televisores com Broadband TV, que se conectam à internet, vendidos no País por fabricantes como a LG e a Samsung.

"Resolvemos usar IPTV somente na fibra óptica", disse Fabio Bruggioni, diretor executivo de clientes residenciais da Telefônica. "Um serviço como o On Video é muito mais fácil de desenvolver que a IPTV."

A tecnologia que permite aos espectadores assistirem conteúdo da internet direto na TV é chamada de "Over the Top Television". Além da Apple TV e do Google TV, esse sistema está presente em videogames como o Wii, o Xbox 360 e o Playstation 3. Nos Estados Unidos, esses consoles de jogos conseguem dar acesso à Netflix, locadora virtual apontada como um dos motivos da decadência da Blockbuster. A maior rede de videolocadoras do mundo pediu concordata na semana passada.

A Telefônica importou 2 mil caixas do serviço On Video, que são produzidas em Shenzhen, na China. A ideia é testar a reação dos consumidores nos próximos meses. O aparelho, que se conecta ao televisor e à banda larga, com cabo de rede ou conexão sem fio Wi-Fi, é oferecido em comodato para o cliente.

Ele também funciona como media center. Ele busca conteúdo digital - como vídeo, fotos e música - nos PCs da casa, para exibi-lo na televisão. "O media center é a cereja do bolo", afirmou Benedito Fayan, diretor de Inovação da Telefônica.

Complementaridade. Na visão de Bruggioni, o serviço On Video é complementar à TV paga convencional. "Não sei como será em 10 a 15 anos, mas atualmente ele é complementar", disse o executivo.

Ele negou que o lançamento do serviço tenha a ver com a demora na aprovação do chamado PLC 116, projeto de lei que tramita no Senado e propõe abrir o mercado de TV a cabo às operadoras de telefonia local. Atualmente, elas não podem operar o serviço na sua área de concessão. "Estamos otimistas em relação ao projeto", disse o diretor da Telefônica, que espera que ele seja votado no próximo ano.

Quanto à competição com o Google TV e a Apple TV, que ainda não chegaram ao Brasil, Bruggioni afirmou que o modelo da Telefônica tem a vantagem de oferecer o aparelho em comodato. "Mas para nós não tem problema se esses serviços tiverem sucesso, porque o principal objetivo é incentivar o uso da banda larga", disse o executivo. Apesar disso, o On Video funciona com qualquer banda larga, mesmo que não seja da Telefônica.

Santos 4 Cruzeiro 1 - 25.09.2010



Contador gratuito

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

A Bola

O futebol tem evoluído bastante ao longo dos anos. A bola de futebol não é excepção. Vejam as imagens para o comprovar.

evolucao bola de futebol 001 A evolução da bola de futebol

evolucao bola de futebol 002 A evolução da bola de futebol

evolucao bola de futebol 003 A evolução da bola de futebol

evolucao bola de futebol 004 A evolução da bola de futebol

evolucao bola de futebol 005 A evolução da bola de futebol

evolucao bola de futebol 006 A evolução da bola de futebol

evolucao bola de futebol 007 A evolução da bola de futebol

evolucao bola de futebol 008 A evolução da bola de futebol

evolucao bola de futebol 009 A evolução da bola de futebol

evolucao bola de futebol 010 A evolução da bola de futebol

evolucao bola de futebol 011 A evolução da bola de futebol

evolucao bola de futebol 012 A evolução da bola de futebol

evolucao bola de futebol 013 A evolução da bola de futebol

evolucao bola de futebol 014 A evolução da bola de futebol

evolucao bola de futebol 015 A evolução da bola de futebol

evolucao bola de futebol 016 A evolução da bola de futebol

evolucao bola de futebol 017 A evolução da bola de futebol

evolucao bola de futebol 018 A evolução da bola de futebol

evolucao bola de futebol 019 A evolução da bola de futebol

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Botões de elevador são 40 vezes mais sujos do que assentos sanitários

.
Da próxima vez que você usar o elevador, você pode querer lavar as mãos.

Um botão do elevador típico abriga cerca de 40 vezes mais germes que um assento de toalete público, dizem os cientistas.

Em um estudo realizado em hotéis, restaurantes, bancos, escritórios e aeroportos, foram encontrados 313 'unidades formadoras de colônias "de bactérias em cada centímetro quadrado do botão de elevador.

A área de superfície equivalente ao assento do sanitario, tinha apenas oito unidades.

As bactérias nos botões de elevador podem cólicas estomacais, dizem os pesquisadores.

Dr. Nicholas Moon, da Microban Europa, que realizou a pesquisa para a Universidade do Arizona em os E.U., disse: "Em um prédio ocupado, um botão de elevador pode ser tocado por dezenas de pessoas que tenham estado em contacto com todos os tipos de bactérias a cada hora.

"Mesmo se os botões estão limpos regularmente, o potencial para o acúmulo de bactérias é alto."

Estudos anteriores demonstraram que uma escrivaninha típica de escritório abriga 400 vezes mais bactérias do que um assento do toalete e teclados de computador têm quatro vezes mais germes que banheiros.

A Folia

http://media.chick.com/tractimages83076/1619/1619_02.gif
http://media.chick.com/tractimages83076/1619/1619_03.gif
http://media.chick.com/tractimages83076/1619/1619_04.gif
http://media.chick.com/tractimages83076/1619/1619_05.gif
http://media.chick.com/tractimages83076/1619/1619_06.gif
http://media.chick.com/tractimages83076/1619/1619_07.gif
http://media.chick.com/tractimages83076/1619/1619_08.gif
http://media.chick.com/tractimages83076/1619/1619_09.gif
http://media.chick.com/tractimages83076/1619/1619_10.gif
http://media.chick.com/tractimages83076/1619/1619_11.gif
http://media.chick.com/tractimages83076/1619/1619_12.gif
http://media.chick.com/tractimages83076/1619/1619_13.gif
http://media.chick.com/tractimages83076/1619/1619_14.gif
http://media.chick.com/tractimages83076/1619/1619_15.gif
http://media.chick.com/tractimages83076/1619/1619_16.gif
http://media.chick.com/tractimages83076/1619/1619_17.gif
http://media.chick.com/tractimages83076/1619/1619_18.gif
http://media.chick.com/tractimages83076/1619/1619_19.gif
http://media.chick.com/tractimages83076/1619/1619_20.gif
http://media.chick.com/tractimages83076/1619/1619_21.gif
http://media.chick.com/tractimages83076/1619/1619_22.gif
http://media.chick.com/tractimages83076/Page23/ptGeneral.gif