Este Blog permanece ativo 24 horas por dia e somente informa os que aqui chegam, com assuntos que circulam pela internet e jornais. Não categoriza nem afirma isso ou aquilo como verdade absoluta. Não pretende desenvolver uma doutrina, nem convencer ninguém. Mas apenas que possamos refletir em assuntos importantes de nosso dia-a-dia. Portanto, tudo que for postado são de conteúdo informativo, cabendo a cada um ter suas próprias conclusões.

segunda-feira, 31 de agosto de 2009

A coisa está ruim? Péssima? Então se prepare, tem algo no ar...

A nossa acomodação diante das coisas que acontece no mundo, parece ser automática. Quando tomamos conhecimento de acontecimentos que saem da normalidade, sai da nossa rotina, achamos absurdo, e é automático deixarmos de lado e dizer: Isso é coisa de quem não tem o que fazer, isso é da sua cabeça, isso é evolução, é tecnologia, ou ainda, isso é bíblico. É claro que é bíblico, mas nem por isso temos que sermos pegos de surpresa.

Isso acontece porque não temos tempo nem interesse em saber o que acontece por traz das coisas mais simples, do nosso dia a dia. Mas a verdade sempre reinará, a luz sempre brilhará, e que o Senhor Deus, não qualquer deus, mas Aquele que fez a Terra e Céus, e tudo que neles há, tenha compaixão, tenha misericordia para conosco, porque nós, já pecamos demais.

Veja este vídeo

video
P.F.
Contador gratuito

Eu serei sua Babá, e você será meu gatinho.

Ela tem um coração terno e um ombro para o gatinho chorar.

Assim, Anjana o chimpanzé está bem qualificado para ser uma baba do filhote

Desde filhote órfão puma Serra, apareceu no jardim zoológico, Anjana ajudou nos cuidados com o bebê junto com os humanos na alimentação, carinho e deveres de mãe.

<span class=

O chimpanzé, viveu toda a sua vida no Instituto de espécies raras (Tigers) na Carolina do Sul, nos E.U..

O diretor do Parque Dr. Bhagavan Antle disse: "Os chimpanzés são alunos que aprendem rápido, e não demorou muito para que ela assumisse comportamentos de mãe para manter o gatinho na linha.

<span class=

Anjana cuida para que não falte alimento para Serra, e até mesmo sabe onde estão os lenços umedecidos que usa para higiene.

<span class=

Anjana, a sombra protetora de Serra em um passeio pelo zoológico

"Se Serra está correndo muito rápido, então Anjana vai junto para ter certeza que ela não arrume qualquer problema."

Anjana já ajudou a cuidar até de dois filhotes de tigre branco real, um leopardo e quatro leões.

"Ela é uma grande assistente. Se você precisa de limpar um bebê você pode simplesmente dizer que ela vai correndo buscá-lo."

domingo, 30 de agosto de 2009

Um Novo Tipo de Guerra

Os robôs de guerra já entraram em ação no Iraque, e o Exército norte-americano pretende substituir um terço de seus veículos de guerra e armas por robôs até 2015. Essas máquinas assassinas poderão um dia ser equipadas com uma consciência artificial – com capacidade até mesmo para desobedecer ordens imorais.



Uma dessas máquinas, BigDog, dá uma noção de quão longe a robótica já foi em termos de tecnologia. A máquina sem cabeça sente o caminho à sua frente enquanto se move. Um computador integrado e sensores internos asseguram que BigDog permaneça firme sobre suas quatro patas, mesmo quando chutado com força pelo lado. O robô, desenvolvido pela Boston Dynamics, provavelmente começará sua carreira militar como um animal de carga.

De acordo com um comunicado interno do Exército americano, as máquinas armadas “estão abrindo seu caminho nos campos de batalha de hoje e serão extremamente comuns nos campos de batalha do futuro.” O orçamento do Pentágono já inclui cerca de US$ 200 bilhões para um programa de modernização chamado “Sistema de Combate do Futuro”. Pelo programa, os robôs irão substituir um terço dos veículos de guerra e armas até 2015.

A guerra automatizada também está fazendo avanços em Israel, onde os militares colocaram robôs ao longo dos 60 quilômetros de fronteira do país com a Faixa de Gaza. O sistema estacionário “Ver e Atirar” desenvolvido pela Rafael, uma fabricante de armas israelense, inclui metralhadoras e câmeras, e tem um alcance de 1.500 metros.

Do ponto de vista militar, há muitas razões para apoiar o crescente uso desses soldados de aço. Para eles, medo e cansaço não são problemas. Robôs matam sem hesitar e, ao contrário de soldados de carne e osso, perder um robô é apenas uma perda financeira. Um novo Swords custa cerca de US$ 150 mil. Além disso, políticos e generais não precisam mais se preocupar com protestos públicos por causa das excessivas baixas: quem vai chorar um soldado de lata?

Queríamos curar Babilônia, porém ela não sarou; deixai-a, e vamo-nos cada um para a sua terra; porque o seu juízo chegou até ao céu, e se elevou até às mais altas nuvens. (Jeremias 51 : 9)


Vejam o vídeo.
video

Apct

Finalmente o Lançamento da Discovery

O ônibus espacial Discovery finalmente foi lançado em órbita ontem à noite para a sua missão à Estação Espacial Internacional.

Ele decolou do Centro Espacial Kennedy, na Flórida, com sete astronautas a bordo um minuto antes da meia-noite local.

Foi a terceira tentativa de lançamento do ônibus espacial depois do mau tempo e problemas técnicos esforços paralisadas no início da semana.

Third time lucky: The space shuttle Discovery lifts off from the Kennedy Space Centre in Florida for its 13-day mission to the International Space Station

Veja o Vídeo

video

Fonte

sábado, 29 de agosto de 2009

Negociata com políticos “evangélicos” facilita a aprovação da concordata do Vaticano

bancada evangélica

Resumo da notícia: Brasília – A Câmara dos Deputados aprovou há pouco projeto de decreto legislativo que aprova o acordo internacional entre o Brasil e o Vaticano que trata do estatuto jurídico da Igreja Católica no Brasil. O acordo foi assinado em 2008. O documento conta com 20 artigos, que na maior parte dos casos, consolida os procedimentos que já estão sendo aplicados, dando à Igreja Católica a segurança de que serão mantidos no futuro. A matéria segue agora ao Senado Federal para apreciação.

Para permitir a votação, os líderes partidários tiveram que fechar acordo com os evangélicos no sentido de aprovar um projeto de lei do deputado George Hilton (PP-MG), que é evangélico. O projeto dispõe sobre as garantias e direitos fundamentais ao livre exercício da crença e dos cultos religiosos. (Agência Brasil)

Aqui fica uma pergunta…Qual a diferença dos políticos tradicionais para os políticos “evangélicos”? Ora, nenhuma! Os políticos “evangélicos” são tão corruptos como os demais. Segundo a teoria de política geral, eles deveriam ser os representantes do povo, mas as suas metas são bem diferentes.

A bancada dita evangélica na câmara dos deputados apenas defendem interesses próprios e de suas denominações, ou seja, apenas querem ficar mais ricos:

Mas os que querem ser ricos caem em tentação, e em laço, e em muitas concupiscências loucas e nocivas, que submergem os homens na perdição e ruína. (I Timóteo 6:9)

A concordata do Vaticano começou a tramitar em 2007 sendo assinada pelo atual presidente em 2008, mas somente na última hora alguns políticos “evangélicos” tentaram de forma inútil recolher assinaturas contra esse estatuto poderoso. Nossos nobres deputados foram vencidos pela preguiça de se informar, a luxuria e a vida fácil que um alto salário pode proporcionar:

Como dizes: Rico sou, e estou enriquecido, e de nada tenho falta; e não sabes que és um desgraçado, e miserável, e pobre, e cego, e nu; (Apocalipse 3 : 17)

As principais igrejas que controlam a mídia como: A IURD e sua Rede Record, a Igreja Internacional da Graça com sua RIT TV e Igreja Mundial do Poder de DEUS (que fica 22 horas no ar com sua programação irritante) nem se quer falaram algo sobre as concordatas. O motivo é simples nenhuma dessas igrejas poderosas está disposta a perder suas barganhas políticas e a concessão de transmissão da sua grade de programação que nada se difere da mídia globalista , pois elas apresentam as mesmas notícias fabricadas e tendenciosas.

Para tentar arrancar algum benefício com as concordas, o deputado George Hilton criou uma cópia muito mal feita desse documento (talvez ele deveria fazer uma catequese básica com os Cardeais Católicos para melhorar) que visa apenas alguns direitos já garantidos por constituição.

Goerge Hilton esqueceu que o Papa possui três faces e não apenas uma. Ele pode usar a Igreja Católica Romana para se apresentar um líder religioso mundial, a Santa Sé como um monarca absolutista e o Estado do Vaticano como chefe de Estado. Isso dá poderes jamais vistos ao Papa através das concordatas, pois ele pode alternar na hora que bem quiser entre essas instituições.

Por exemplo: A Santa Sé possuir status único de observadora na ONU, mas para que ela possa criar suas concordatas é necessário que seja um estado, nesse caso a Santa Sé usa o Estado do Vaticano. Isso faz com que o Papa mude de personalidade três vezes para colocar seus planos em prática.

Na primeira parte ele se apresenta como legislador internacional usando a Santa Sé dentro da ONU . Para implantar o seu estatuto criado pela Santa Sé, o Papa se apresenta como Chefe do Estado do Vaticano, foi isso que ele fez quando veio ao Brasil em 2008, e para manipular as massas se apresenta como o supremo pontífice da Igreja lendo uma das suas diversas e sonolentas liturgias transmitidas por todos os canais de TV.

O status de observador da ONU dificilmente será dado a qualquer outra instituição religiosa ( É importante lembrar que um acordo internacional está livre da tradicional barganha política via Câmara dos Deputados e Senado Federal), pois esse poder de transformar a Santa Sé em observadora da ONU foi dada por Baha’u’llah em sua Epístola Lawh in Pap, escrita durante o século 19, que escolhe o Papa como líder supremo de todas as religiões.

Mas a bancada supostamente evangélica também facilitou as coisas para a aprovação da Concordata criando o – Dia Nacional do Evangélico – que deveria se chamar dia Nacional da vergonha evangélica, pois a concordata passou graças a essas trocas de favores também.

O dia nacional do evangélico criado pelo deputado Cleber Verde do PRB- MA visa apenas o interesse nos 20,3 % de evangélicos, segundo os dados do IBGE, que movimenta uma boa fatia de venda dos produtos chamados goslpel (assim fica mais americanizado e “babilonizado”) como: macarrão, refrigerante, passagens áreas, cartão de crédito, livros, CDs, DVDs, camisetas e muitas outras formas de mecanismo de avareza:

E por avareza farão de vós negócio com palavras fingidas; sobre os quais já de largo tempo não será tardia a sentença, e a sua perdição não dormita. (II Pedro 2 : 3)

É de conhecimento que a Santa Sé é uma instituição poderosa e que facilmente pode derrotar uma minúscula bancada evangélica (ainda mais corrupta como essa), mas nossos políticos deveriam lutar de forma limpa, representando o povo, obedecendo a palavra de DEUS e não se venderem por migalhas de forma tardia como fizeram na câmara escandalizando o caminho da verdade para todos aqueles que não conhecem.

Porque, como está escrito, o nome de Deus é blasfemado entre os gentios por causa de vós. (Romanos 2 : 24)

Referência:

http://www2.camara.gov.br/internet/proposicoes/chamadaExterna.html?link=http://www.camara.gov.br/internet/sileg/Prop_Detalhe.asp?id=399108

http://www.agenciabrasil.gov.br/noticias/2009/08/26/materia.2009-08-26.2620048800/view

http://www.cnbb.org.br/ns/modules/mastop_publish//?tac=536

Quer Ganhar Dinheiro Honestamente pela Internet, Trabalhando em Casa, Clic Aqui

Apocalipsetotal


“Caritas in veritate” é recomendada por líderes evangélicos americanos

Sabe, porém, isto: nos últimos dias, sobrevirão tempos difíceis (II Timóteo 3 : 1)

Várias personalidades do mundo protestante, conhecidos como líderes moraes, do sistema religioso babilônico americano aplaudiram e recomendam para suas igrejas os princípios da encíclica de Bento XVI “ Caritas in veritate”.

A declaração chamada Doing the Truth in Love (Fazendo a Verdade no Amor) pede que todos os cristãos se sensibilizem com a encíclica. Abaixo segue um trecho do documento:

“ …Exortamos os cristãos em toda parte, mas especialmente os nossos companheiros evangélicos no Norte global, para ler, enfrentar, e responder a Caritas in veritate e sua identificação da chamada gêmeo do amor e da verdade em nossas vidas como cidadãos, empresários, trabalhadores e, Mais fundamentalmente, como seguidores de Cristo…”

Os líderes evangélicos americanos também apóiam a criação de um socialismo teocrático controlado por Bento XVI para criar uma nova comunidade mundial:

“…Caritas in veritate propõe um modelo integral de desenvolvimento humano no contexto da globalização “, a expansão da interdependência mundial.” Afirmamos com esta encíclica que a globalização deve se tornar uma pessoa “centrada na comunidade e orientada para o processo de integração….”

Esse convívio ecumênico é uma obediência direta as leis do artigo k-75 Kitáb-i-aqdas (Apocalipse 10):

K-75(…) Convivei, pois, com os seguidores de todas as religiões, e proclamai a Causa de vosso Senhor, o Mais Compassivo. É esse o próprio diadema de todos os atos, se sois dos que compreendem(..)

Somente com a unidade, a causa de Baha’u’llah descrita acima, bem estabelecida acontecerá a sua manifestação espiritual. Isso é necessário para que se cumpra a profecia da Bíblia abaixo, pois primeiro vem a apostasia e depois a manifestação espíritual:

Ninguém de maneira alguma vos engane; porque não será assim sem que antes venha a apostasia, e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição, (II Tessalonicenses 2 : 3)

Esse apoio ao Papa pelos americanos é extremamente grave, pois os líderes evangélicos de lá são aclamados como deuses por muitos brasileiros, ou seja vários desses líderes vão promover a mudança de comportamento por aqui.

  1. Adel Abadeer, Associate Professor of Economics, Calvin College (Grand Rapids, MI)
  • Roy Berkenbosch, Director, Micah Center, King’s University College (Edmonton, AB)
  • Elwil Beukes, Professor of Economics, The King’s University College (Edmonton, AB)
  • Daniel K. Bourdanné, General Secretary, International Fellowship of Evangelical Students (Oxford, UK)
  • James Bradley, Professor of Mathematics & Statistics Emeritus, Calvin College (Grand Rapids, MI)
  • Paul Brink, Associate Professor of Political Studies, Gordon College (Wenham, MA)
  • Joe Carter, Web Editor, First Things (Manassas, VA)
  • Jonathan Chaplin, Director, Kirby Laing Institute for Christian Ethics (Cambridge, UK)
  • J. Daryl Charles, Director and Senior Fellow, Bryan Institute for Critical Thought & Practice (Dayton, TN)
  • Richard Cizik, President, The New Evangelicals (Washington, DC)
  • Bruce J. Clemenger, President, Evangelical Fellowship of Canada (Markham, ON)
  • Javier Comboni, Jean & E. Floyd Kvamme Professor of Political Economy, Wheaton College (Wheaton, IL)
  • Justin D. Cooper, President, Redeemer University College (Ancaster, ON)
  • Paul R. Corts, President, Council for Christian Colleges and Universities (Washington, DC)
  • Janel Curry, Byker Chair in Christian Perspectives on Political, Social, and Economic Thought, Calvin College (Grand Rapids, MI)
  • Calvin B. DeWitt, Professor of Environmental Studies, University of Wisconsin-Madison (Madison, WI)
  • Brian Dijkema, Labour Activist (Ottawa, ON)
  • Joel Edwards, International Director, Micah Challenge (London, UK)
  • Jacob P. Ellens, Vice President, Academic, Redeemer University College (Ancaster, ON)
  • Bruce Ellis Benson, Professor of Philosophy, Wheaton College (Wheaton, IL)
  • Janet Epp Buckingham, Director, Laurentian Leadership Centre (Ottawa, ON)
  • James Featherby, Fellow, London Institute for Contemporary Christianity (London, UK)
  • Harry Fernhout, President, The King’s University College (Edmonton, AB)
  • Brian T. Fikkert, Associate Professor of Economics & Community Development, Covenant College (Lookout Mountain, GA)
  • Richard L. Gathro, Dean, Nyack College (Washington, DC)
  • Ivy George, Professor of Sociology and Social Work, Gordon College (Wenham, MA)
  • Michael W. Goheen, Geneva Professor of Worldview and Religious Studies, Trinity Western University (Langley, BC)
  • Bob Goudzwaard, Emeritus Professor of Economics and Cultural Philosophy, Free University of Amsterdam (Netherlands)
  • Andy Hartropp, Research Tutor in Development Studies, Oxford Centre for Mission Studies (Oxford, UK)
  • Peter S. Heslam, Transforming Business, University of Cambridge (Cambridge, UK)
  • John Hiemstra, Dean, Faculty of Social Science, The King’s University College (Edmonton, AB)
  • Roland Hoksbergen, Professor of Economics and International Development, Calvin College (Grand Rapids, MI)
  • Dennis Hoover, Vice President for Research and Publications, Institute for Global Engagement (Washington, DC)
  • Robert Joustra, Researcher, Cardus (Hamilton, ON)
  • Timothy A. Kelly, Director, DePree Center Public Policy Institute (Pasadena, CA)
  • David T. Koyzis, Professor of Political Science, Redeemer University College (Ancaster, ON)
  • Tracy Kuperus, Associate Professor, International Development Studies, Calvin College (Grand Rapids, MI)
  • Jamie McIntosh, Executive Director, International Justice Mission Canada (London, ON)
  • Ruth Melkonian-Hoover, Assistant Professor of Political Studies, Gordon College (Wenham, MA)
  • George N. Monsma, Jr., Professor of Economics, Emeritus, Calvin College (Grand Rapids, MI)
  • Stephen V. Monsma, Research Fellow, The Henry Institute, Calvin College (Grand Rapids, MI)
  • Richard Mouw, President, Fuller Theological Seminary (Pasadena, CA)
  • Bryant L. Myers, Professor of International Development, Fuller Theological Seminary (Pasadena, CA)
  • David K. Naugle, Professor of Philosophy, Dallas Baptist University (Dallas, TX)
  • David Neff, Editor in Chief, Christianity Today (Carol Stream, IL)
  • Ray Pennings, Director of Research, Cardus (Calgary, AB)
  • Michael Pollitt, Reader in Business Economics, Judge Business School, University of Cambridge (U.K.)
  • Dan Postma, Managing Editor, Comment Magazine (Hamilton, ON)
  • Vinoth Ramachandra, Author, Subverting Global Myths (Colombo, Sri Lanka)
  • Jonathan S. Raymond, President, Trinity Western University (Langley, BC)
  • Paul W. Robinson, Director, Human Needs and Global Resources Program, Wheaton College (Wheaton, IL)
  • Duncan Roper, Former Professor of Mathematics, University of Western Sydney (now resident of Martinborough, NZ)
  • Michael Schluter, Chairman, Relationships Foundation International (Cambridge, UK)
  • Chris Seiple, President, Institute for Global Engagement (Washington, DC)
  • Timothy Sherratt, Professor of Political Studies, Gordon College (Wenham, MA)
  • Ronald J. Sider, President, Evangelicals for Social Action (Philadelphia, PA)
  • James W. Skillen, President, Center for Public Justice (Washington, DC)
  • John G. Stackhouse, Jr., Sangwoo Youtong Chee Professor of Theology and Culture, Regent College (Vancouver, BC)
  • Glen Harold Stassen, Lewis B. Smedes Professor of Christian Ethics, Fuller Theological Seminary (Pasadena, CA)
  • Elaine Storkey, President, Tearfund (London, UK)
  • Alan Storkey, Economist (Cambridge, UK)
  • Gideon Strauss, President (designate), Center for Public Justice (Washington, DC)
  • Robert Sweetman, Academic Dean and Acting President, Institute for Christian Studies (Toronto, ON)
  • Steven Timmermans, President, Trinity Christian College (Palos Heights, IL)
  • Michael Van Pelt, President, Cardus (Hamilton, ON)
  • Jim Wallis, President, Sojourners (Washington, DC)
  • Alissa Wilkinson, Associate Editor, Comment Magazine (Brooklyn, NY)
  • Paul Williams, David Brown Family Chair of Marketplace Theology and Leadership, Regent College (Vancouver, BC)

Referência:

http://www.cpjustice.org/doingthetruth

Lei daria controle da Internet ao presidente dos EUA

Os provedores de internet e os grupos de liberdade civis estavam alarmados durante esta primavera quando uma proposta de Lei do senado dando a Casa Branca o poder de desconectar os computadores do setor privado da Internet.




Eles não ficaram nada mais contentes com a versão revisada que os assistentes do senador Jay Rockefeller, um democrata da Virgínia do Oeste, escreveram por trás de portas fechadas durantes meses. CNET News obteve uma cópia do esboçio de 55 páginas da lei S.773, que ainda parace permitir ao presidente confiscar temporariamente o controle das redes dos setores privados durante uma chamada "emergência de cyber-segurança".

A nova versão permitiria ao presidente declarar "emergência de cyber-segurança" relacionada à redes de computadores não governamentais, e fazer o que for necessário para rseponder à tal ameaça. Outras seções da proposta incluem um programa de certificação federal para "profissionais de ciber-segurança" e um requisito que certos sistemas de computadores e redes no setor privado serem gerenciados apenas por pessoas que tiverem tal certificação.

Larry Clinton, presidente da Aliança de Segurança da Internet, que conta com representantes da Verison, Verisign, Nortel e Univesidade Cornegie Mellon em seu conselho, declarou que não é claro que autoridade o senador ROckefeller pensa ser necessário ter sobre o setor privado. Ao menos isto seja esclarecido, nós não podemos analizar a proposta, e menos ainda a lei".

À Fox News, Larry declarou que "Nós achamos que isto é uma idéia terrível.. para colocar na legislação". Larry disse que a nova versão da lei melhorou do primeiro esboço, mas uma linguagem vaga poderia ainda oferecer os mesmos poderes ao presidente em caso de emergência.

Nota: imaginem se algo como a história do blackjack se tornasse real, seria isto uma emergência que desse à Obama o poder de desligar a Internet?


CnetNews: Lei daria controle de emergência da Internet ao presidente
Fox News: Lei do Senado daria ao Presidente Controle Emergencial Sobre a Internet

Fonte


Polícia Federal prende dois pastores transportando 37 Kg de cocaína em Rondonia


Na tarde desta quarta-feira, 26, durante barreira policial montada na rodovia federal BR-364, km 760, foi fiscalizada a caminhonete L-200, transportada por dois homens que disseram ser pastores da Igreja Adventista em São Luis do Maranhão e que estavam retornando de uma pregação em Acrelândia, Estado do Acre. No entanto, os dois homens não souberam indicar exatamente onde estiveram e nem quem seria o proprietário do veículo, o qual estava registrado em nome de terceira pessoa.

Durante revista, foi constatado que o tanque de combustível da caminhonete possuía alterações, razão pela foi desmontado e para surpresa dos policiais, dentro do tanque foi encontrada a cocaína, que pesou 37 kg. Em seguida, os dois homens receberam voz de prisão em flagrante delito.

Ao serem interrogados, os dois homens afirmaram que foram contratados por um outro membro da Igreja para fazer uma “pregação” no Acre, o qual também emprestou a caminhonete.

Após as formalidades decorrentes das prisões, os presos foram indiciados como incursos nas sanções estabelecidas no artigo 33, c/c artigo 40, inciso V, ambos da Lei nº 11.343/2006 (tráfico de drogas interestadual, pena de 5 a 15 anos de reclusão) e encaminhados à Casa de Detenção José Mario Alves da Silva, onde se encontram à disposição da Vara de Delitos de Tóxicos da Comarca de Porto Velho/RO.


Fontel


Jesus Siberiano

Oséias 4:6a diz "O meu povo foi destruído, porque lhe faltou o conhecimento;"


Então, se alguém vos disser: Eis que o Cristo está aqui, ou ali, não lhe deis crédito;


Porque surgirão falsos cristos e falsos profetas, e farão tão grandes sinais e prodígios que, se possível fora, enganariam até os escolhidos.

Eis que eu vo-lo tenho predito.

Portanto, se vos disserem: Eis que ele está no deserto, não saiais. Eis que ele está no interior da casa; não acrediteis.

Porque, assim como o relâmpago sai do oriente e se mostra até ao ocidente, assim será também a vinda do Filho do homem. (Mt. 24:23-27)

A Notícia:

A barba e cabelos longos trazem uma pequena semelhanças com representações de Jesus, conhecidas no mundo todo.

E com as roupas de linho e sorriso beatífico certamente traz a impressão de um homem santo.

Mas a seus crentes, neste lugar remoto da Sibéria, Sergei Torop, um ex-guarda de trânsito, é a reencarnação literal de ninguém menos que Jesus Cristo.

Russo tráfego ex-policial Sergei Torop

O ex-policial Sergei Torop sentado em seu trono de madeira durante uma reunião com seus seguidores na remota aldeia de Petropavlovka.

Torop, 48, é o líder espiritual de pelo menos 5.000 devotos seguidores, entre eles, intelectuais, artistas e profissionais que se reunem para adorá-lo, na pequena aldeia isolada do Petropavlovka - mais de 2000 quilómetros de Moscovo.

A era Torop surge como em 1991, quando a Rússia estava enfrentando uma crise de confiança, após a queda da cortina de ferro.

Após baixa do Exército, Torop vinha trabalhando como um guarda de trânsito no turno da noite na cidade da Sibéria, pequena Minusinsk, até que ficou desempregado. De repente, algo 'acordou' dentro dele, diz ele, e imediatamente sentiu que era a segunda vinda de Cristo - 2.000 anos depois que ele foi primeiro crucificado.

Russo tráfego ex-policial Sergei Torop, agora conhecido como Viassarion, reúne-se com seus seguidores na remota aldeia de Petropavlovka

Sergei Torop, agora conhecido como Viassarion, reúne-se com seus seguidores na remota aldeia de Petropavlovka

Vissarion

Para milhares de seguidores, Vissarion é nada menos que a segunda vinda de Jesus de Nazaré, reencarnado 2.000 anos após sua crucificação, no fundo do deserto siberiano.

Ele diz que percebeu que Deus o havia enviado à Terra para ensinar a humanidade sobre os males da guerra e da devastação que estáva causando ao meio ambiente.

Com o Natal foi abolido, seus seguidores decretaram o dia de seu primeiro sermão (18 de agosto) como dia de festa especial.

Seus seguidores, que deram suas vidas para segui-lo, são vegetarianos e estão proibidos de fumar, beber e manuseio de dinheiro.

Cerca de 300 deles vivem em cabanas de madeira na vila que cresceu em torno de sua igreja e que não aparece em nenhum mapa.

Muitos fizeram suas casas em pequenas aldeias que cercam Petropavlovka para sobreviver a invernos rigorosos da Sibéria e para que possam estar perto de seu Messias.

Uma mulher idosa coloca uma vela no âmbito de um quadro de "Vissarion o Mestre", na igreja da aldeia

Uma mulher idosa coloca uma vela diante de um quadro do "Vissarion, o Mestre", na igreja da aldeia.

Em uma montanha perto de sua aldeia um grande sino badala três vezes por dia para que os adeptos saibam que é hora de parar com seu trabalho, se ajoelhar e rezar.

O Vissarion vive longe sua aldeia, em sua casa, com sua esposa e seis filhos.

Na Rússia, os críticos o acusaram de espoliar sua comunidade de fiéis seguidores para ganho pessoal.

Nos últimos anos, ele viajou para a França, Itália e Holanda para 'converter' novos seguidores, embora ele alega que suas visitas foram patrocinados por seus anfitriões, e que sua Igreja não usa dinheiro.

Cavando a própria sepultura

Um adolescente de 17 anos, teve a seu favor, uma enorme operação de resgate depois que o buraco que fez na areia, na praia de East Providence, Rhode Island, E.U., simplesmente de oito metros de profundidade desmoronou em cima dele.

James Boyden e não "Bond", ficou preso na areia durante por duas horas, e cerca de 100 pessoas, incluindo bombeiros, equipes de emergência e outros, trabalharam para impedir que mais areia caísse sobre sua cabeça.
Diz ele que a quantidade de areia sobre seu corpo, fez sentir muita dor e falta de oxigênio.

Ele ficou totalmente soterrado, mas seu pai foi quem viu onde estava sua cabeça, porque sabia onde ele estava cavando.

Após ser libertado, Tiago foi levado para o hospital sofrendo de hipotermia.


James <<span class=caixinha de <<span class=

Mail Online

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Homem captura duende na Argentina

Acredite se Quiser.

27.08.2009

Dezenas de meios de comunicação, entre rádios, revistas e diários, principalmente de Mendoza, La Rioja e Buenos Aires na Argentina, divulgaram ontem o caso do suposto duende que esteve enjaulado mais de uma semana em uma casa em Chimbas. Ariel Fernández, um homem de 31 anos, teria capturado o duende próximo ao cemitério municipal e manteve-o enjaulado em sua casa durante uma semana cobrando entre 5 e 50 pesos para quem quisesse vê-lo.

A história criou um alarido tão grande que a polícia foi chamada a averiguar o que estava acontecendo por ali. Só que chegou com uma semana de atraso: o duende já tinha fugido.

Segundo depoimentos de vizinhos o "bicho" mede entre 30 e 35 centímetros de altura, tem orelhas pontiagudas, narigudo e impressiona tanto que dá medo. Ademais, dizem que rosna e que de noite soltava uns grunhidos tão fortes que podiam ser escutados em todo o bairro deixando os cães enlouquecidos.

Ariel Fernandez continua procurando o gnomo e se diz arrependido por ter deixado que fugisse. - "O pessoal da universidade foi a minha casa e ofereceram uma fortuna por ele."





Fonte


Tenebrosas ferramentas da medicina antiga


É fato conhecido que ao longo da história da medicina se viu de tudo. Hoje em dia ter um resfriado, gripe ou enxaqueca é motivo de preocupação e sinônimo de dor. No entanto, nosso medo à doença é coisa de criança, pois nenhum de nós teve a desgraça de viver no século XVIII, ou antes...

Ali a imagem do médico gerava justificadas náuseas e um pânico estremecedor, pois conquanto hoje lembramos dele com uma bela túnica branquinha e um brilhante estetoscópio pendurando no pescoço, na antiguidade a imagem do médico era a de um açougueiro sem piedade banhado em sangue e com olhos sedentos de carne humana.

Se não consegue formar esta imagem claramente em sua mente, bastará observar estas tenebrosas ferramentas cirúrgicas da antiguidade, autênticas armas de combate ou ferramentas de açougue que nos matariam de dor somente em vê-las.

Faca de amputação. 1700.


Serra de amputação. 1600.


Removedor de flechas. 1500.


Sangrador artificial. 1800.


Extrator de balas. 1500.


Dilatador de colo uterino. 1800.


Faca de circuncisão. 1770.


Castrador. 1870.


Forceps de hemorróidas. 1800.


Ferramenta para hérnias. 1850.


Compasso Hirtz (utilizado para remover balas). 1915.


Ferramenta para amputar o colo uterino. 1860-90.


Cortador de rim. 1740-1830.


Escarificador. 1910.


Serra para ossos. 1830-60.


Clíster para inserir fumo no reto. 1750-1810.


Removedor de amígdalas. 1860.


Ferramenta para perfurar ossos. 1800.


Espéculo vaginal. 1600.


Fonte