Este Blog permanece ativo 24 horas por dia e somente informa os que aqui chegam, com assuntos que circulam pela internet e jornais. Não categoriza nem afirma isso ou aquilo como verdade absoluta. Não pretende desenvolver uma doutrina, nem convencer ninguém. Mas apenas que possamos refletir em assuntos importantes de nosso dia-a-dia. Portanto, tudo que for postado são de conteúdo informativo, cabendo a cada um ter suas próprias conclusões.

terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Fim do ‘dinheiro vivo’ pode reduzir fraudes e facilitar declaração de IR

Fiscalização tributária ficaria mais fácil com transações eletrônicas.

Segundo professor da USP, fim das cédulas dificultaria ações criminosas.

 Foto: Divulgação/Polícia Federal Dinheiro apreendido pela PF (Foto: Divulgação/Polícia Federal)

Foto: Divulgação/Polícia Federal Dinheiro apreendido pela PF (Foto: Divulgação/Polícia Federal)

Além de evitar idas ao banco, o fim do dinheiro físico pode ter outras consequências benéficas para a sociedade, segundo especialistas. Entre essas mudanças estão a redução da criminalidade, o corte de custos para as empresas e a diminuição da evasão fiscal. “O dinheiro físico só é bom para os criminosos, traficantes, sequestradores”, diz Dave Birch, da consultoria britânica Hyperion, que estuda meios de pagamento eletrônicos.

“Quem quer se envolver em ações ilegais precisa de dinheiro vivo. Quando você começa a reduzir a circulação de papel-moeda, você restringe o crime”, diz Martinho Isnard Ribeiro de Almeida, professor da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo (FEA-USP).

Segundo Almeida, mesmo que o dinheiro proveniente do crime passe por meio eletrônicos em algum ponto da sua trajetória, em algum momento ele precisará ser sacado pelos criminosos. “O crime organizado movimenta bilhões, mas sem dinheiro físico fica mais difícil”, diz ele. “É preciso rastrear criminosos como traficantes por meio eletrônico. Não adianta combater a violência só com polícia.”

Impostos

O fim do dinheiro físico e o uso de notas fiscais e outros documentos eletrônicos também geraria economia para as empresas. Dados da Inglaterra mostram que cerca de um quinto do custo administrativo das empresas é para cumprir suas obrigações fiscais, ou seja, para manter a contabilidade pedida pela Receita, calcular o pagamento de impostos, organizar e guardar notas fiscais etc.

No entanto, se todas as transações de compra e venda fossem eletrônicas e os documentos necessários emitidos da mesma forma, o governo já teria um registro de toda a movimentação financeira da empresa. Assim, segundo Almeida, o governo poderia simplesmente enviar um documento com todos os impostos que a empresa deve pagar já calculados. A companhia só enviaria suas contas ao governo se houvesse algum erro ou disputa de valores.

E o mesmo valeria para as pessoas físicas: em vez de declarar o imposto de renda, o cidadão o receberia já pronto e apenas checaria os dados. De acordo com o professor da FEA-USP, uma experiência com o imposto de ofício, como é chamado este modelo, está sendo feita no Chile com sucesso.

Ao mesmo tempo, com o governo tendo um registro de todas as transações das pessoas e empresas, ficaria mais difícil sonegar impostos. “Haveria, por exemplo, menos fraudes com notas fiscais. Hoje você tem situações em que a mesma nota é usada várias vezes. Isso não aconteceria mais”, diz Almeida.

Privacidade

A perspectiva de o governo ter registro de todas as transações financeiras de todos gera preocupações com a privacidade. Para o professor da USP, quem não está envolvido em crimes não teria com o que se preocupar.

Mas Birch diz que “é razoável que as pessoas não queiram que o governo siga todas as suas transações”. Para ele, um jeito de manter a privacidade seria usar criptografia para esconder as identidades dos usuários nas transações, usando o que ele chama de “pseudonimidade”.

Isso significa que cada pessoa teria um código que a representa, que seria sempre o mesmo, e teria sua identidade mantida em segredo, a não ser que ela se envolvesse em alguma fraude ou outra atividade ilegal. O conceito é similar ao de identidades usadas na internet.

Fonte: G1

Via:F.T

Projeto do marco regulatório da internet deve chegar ao Congresso até março de 2010


Até março do próximo ano deve chegar ao Congresso Nacional o projeto de lei do novo marco regulatório da internet. Produzido pelo Ministério da Justiça, o marco civil, como está sendo chamado, deverá tratar de direitos fundamentais dos usuários de internet, responsabilidades desses usuários e deveres do Estado.

“A ideia é criar uma primeira camada de interpretações para assuntos legais relacionados à internet, lançando pedras fundamentais para depois tratar outras questões”, explica o coordenador do projeto, Paulo Rená da Silva Santarém.

Temas polêmicos como direitos autorais, pedofilia e outros assuntos de direito penal, contudo, devem ficar de fora do novo marco. De acordo com Rená, esses assuntos já estão com o debate mais estruturado socialmente e já possuem projetos de lei específicos. Antes de tratar deles, na opinião do coordenador, é preciso criar um mecanismo para que as decisões judiciais sobre o uso da internet sejam uniformizadas.

“Atualmente você pode ter duas decisões judiciais sobre um mesmo assunto completamente diferentes. E as duas estarão embasadas legalmente nos preceitos constitucionais. É preciso criar diretrizes para guiar essas decisões”, explica.

O texto, que teve a primeira parte em consulta pública até o último dia 17, vai ser focado em questões como anonimato, privacidade e divulgação de dados dos usuários. Sobre este último tópico ainda não está decidido o que exatamente a nova lei determinará, mas já se sabe que a orientação é para que as informações sobre a movimentação do usuário dentro de uma página não possam ser compartilhada entre empresas livremente.

O projeto surge a partir de uma exigência dos movimentos sociais ligados ao tema que cobraram do governo federal um marco regulatório. O texto vai na contramão de alguns projetos que tramitam no Congresso Nacional que buscam mais controle e restrição na rede.

Alguns desses projetos prevêem, por exemplo, a necessidade de registro biométrico para o uso da internet e a obrigatoriedade da instalação de câmeras de vigilância em lan houses. “A intenção do projeto é não começar a regular internet pela porta da cadeia, o objetivo é ampliar a liberdade”, afirma Rená.

Essa liberdade faz parte de um conjunto de diretrizes lançadas pelo Comitê Gestor da Internet (CGI) órgão que cuida da governança da internet no Brasil que prevê também a neutralidade da rede, a inimputabilidade da rede pelas violação de direitos que possam ser cometidas e ambiente legal regulatório, entre outros.

Também devem ser incorporados ao projeto os princípios do Plano Nacional de Banda Larga, que será divulgado até o fim de janeiro. Junto com a previsão do plano de levar internet rápida e barata para todo o país, universalizando o acesso, o novo marco regulatório irá incluir esse acesso como preceito constitucional.

“A ideia é transformar uma política de governo em política de Estado. Como direito fundamental do cidadão, isso passará a ser um compromisso estatal”, explica o coordenador.

O novo marco civil deverá passar por uma segunda consulta pública quando a minuta do projeto estiver pronta, entre janeiro e fevereiro. A primeira consulta ficou disponível na internet durante 45 dias, quando recebeu média diária de 1,3 mil visitas.

Fonte: Terra Notícias
Via: Fimdostempos



Arábia Saudita condena jornalista a 60 chibatadas por entrevista sobre sexo

Uma jornalista foi condenada na Arábia Saudita a 60 chibatadas por ter feito uma entrevista – para um programa de televisão – com um homem saudita que admitiu ter mantido relações sexuais fora do casamento.

O programa, feito pela TV libanesa por satélite LBC, provocou um grande escândalo na conservadora Arábia Saudita quando foi difundido há vários meses.

A jornalista é uma das duas mulheres empregadas da LBC que foram presas após o escândalo.

Mazen Abdul Jawad, o homem saudita que concedeu a entrevista contando como conseguia manter relações sexuais com mulheres no país, também foi preso.

Apesar de um pedido formal de desculpas, ele foi preso e condenado a cinco anos de prisão e mil chibatadas.

A entrevista era parte de uma série da LBC que examinava tabus no mundo árabe.

O sexo fora do casamento na Arábia Saudita é um dos maiores desses tabus.

Abdul Jawad provocou polémica ao descrever as suas técnicas para conhecer mulheres sauditas e manter relações sexuais com elas.

Três dos seus amigos que também apareceram no programa foram condenados a dois anos de prisão cada um.

Abdul Jawad acusou a LBC de enganá-lo. Para além disso a Arábia Saudita fechou os escritórios da emissora de televisão LBC na Arábia Saudita.

O canal tem sido há muito tempo atacado por líderes religiosos sauditas por ser um dos principais canais árabes por satélite a transmitir programas para o país com cantoras e atrizes árabes vestidas de maneira sensual.

Por ironia, a LBC é co-propriedade do príncipe saudita Alwaleed bin Talal, bilionário e magnata dos média na Arábia Saudita.

Fonte: BBC Brasil

Via: Arcodavelha

Implantação do socialismo tecnotronico

O socialismo tecnotronico idealizado por Zbigniew Brzezinski pode ser resumido na implantação de uma ditadura digital onde câmeras, rastreamento, manipulação do cérebro através de avanços tecnológicos utilizados pela mídia são armas eficazes para ensinar, disciplinar e criar delatores para o governo mundial tanto na ordem illuminati como na ordem mundial de Baha’u’llah.

Noticia 1 – Treinando o cidadão global para ser um futuro delator

Xerifes virtuais já patrulham fronteiras. Mais de 130 mil pessoas já se voluntariaram para se fazerem de «xerifes virtuais». A sua tarefa é sentar-se à frente de um computador e, através da Internet, patrulhar a fronteira dos EUA com o México, conta a BBC.

O polémico Programa de Monitoramento Virtual da Fronteira do Texas convida qualquer um a entrar neste site e a observar, através das transmissões das 21 câmaras de vigilância, se há pessoas a tentar atravessar a fronteira ilegalmente.

Os defensores desta ideia dizem que isso aplauda a luta contra a imigração ilegal e o tráfico de droga, mas os opositores criticam a falta de respeito pelos imigrantes e o excesso de poderes de vigilância dado ao comum cidadão.

Notícia 2 – Monitoração usando a desculpa em nome da segurança

Um milhão de câmeras de segurança gravam São Paulo em reality show às avessas

Em São Paulo quem transita pela capital paulista é gravado por mais de 100 câmeras diferentes, desde o elevador de seu prédio, aos cruzamentos de avenidas, à lojinha da esquina, à plataforma do metrô e até à mesa de trabalho.

É tanta filmagem que daria para montar um longa-metragem diária e individual, tão arrastado como um filme iraniano e tão previsível como um blockbuster norte-americano.

Um reality show às avessas: 41 milhões de protagonistas e só poucas centenas de espectadores. Essa pode ser a definição do monitoramento eletrônico no Estado de São Paulo, que deve chegar até o final do ano com um milhão de câmeras de segurança (50% está na região metropolitana). A grande maioria está em mãos privadas.

“Em um Estado brando como o nosso, as câmeras servem para segurança, mas em um governo policialesco poderiam servir para o controle político, assim como outras tecnologias”, analisa Renato Janine Ribeiro, professor de filosofia da USP (Universidade de São Paulo) conhecido por suas opiniões sobre temas sobre violência.

Notícia 3 – Manipulando o cérebro

Mundos reais e virtuais encontram-se na Máquina de Indução de Sensações

Pesquisadores europeus inauguraram a mais avançada sala de realidade virtual do mundo, usando conceitos inéditos para mesclar o real e o virtual.

Dotada de sensores, sistemas de visualização e programas que vão muito além das atuais cavernas digitais, a sala está sendo chamada de Máquina de Indução de Experiências Sensoriais.

Seus objetivos vão desde o teste de novas ferramentas de visualização de experimentos científicos e simulação de equipamentos industriais, até o teste de novas interfaces e o controle de computadores por meio de impulsos cerebrais.

Demandas psicológicas do cérebro

Durante a construção da máquina de indução sensorial, o professor Paul Verschure e seus colegas da Universidade Fabra Pompeu, na Espanha, basearam-se em como o cérebro humano interpreta o mundo real. A partir desse conhecimento, eles partiram para desenvolver as tecnologias que atendam às demandas psicológicas do cérebro, de forma a criar uma experiência realmente envolvente.

Enganando o cérebro

Os primeiros resultados indicam que o cérebro pode ser “enganado” facilmente quando a pessoa interage com um ambiente virtual que obedeça à escala humana, onde é possível e necessário virar a cabeça para olhar em volta, abaixar-se para pegar algo, enfim, onde se possa usar o corpo de forma natural. A regra parece ser: mantenha tudo na escala humana e nosso cérebro irá interpretar o ambiente como se ele fosse real.

Os pesquisadores afirmam que as novas ideias é que tornam a máquina de indução de sensações um equipamento único. A sala virtual poderá ser utilizada ainda para treinamentos simulados, jogos e até mesmo para uma nova geração de cinema interativo.

Referências: Via:

http://tecnologia.br.msn.com/especiais/artigo.aspx?cp-documentid=23056067
http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=mundos-real-virtual-encontram-se-maquina-inducao-sensacoes&id=010150091215

http://noticias.uol.com.br

Via: Apocalipsetotal

domingo, 27 de dezembro de 2009

O Canal 4 britânico

O Canal 4 britânico produziu um documentário devastador intitulado "A Grande Fraude do Aquecimento Global". Ele não foi, ao que parece, exibido por nenhuma das redes de televisão nos EUA. Mas, felizmente, ele está disponível na Internet.
Parte 1


Parte 2


Parte 3




O Menestrel - William Shakespeare

video
Metacafe


sábado, 26 de dezembro de 2009

Cirurgia de Joelho? Cenas Fortes


Atenção - Cenas fortes, eu acho...parece-me uma cirurgia de joelho...

Como vai ser 2010 para você?

E para eles?

Número de brasileiros feridos no Suriname chega a 14


O número de feridos durante o ataque à comunidade brasileira em Albina, no Suriname, chega a 14, de acordo com o Ministério de Relações Exteriores. Pelo menos sete estão em estado grave. As informações estão, ainda meio truncadas.

O grupo de cerca de 80 brasileiros foi atacado em represália à morte de um morador local. Na véspera do Natal, um brasileiro teria assassinado um quilombola surinamês, o que motivou a vingança contra a comunidade brasileira. O acusado está foragido, segundo as informações do ministério.

Segundo a embaixada do Brasil no Suriname, um ataque a cerca de 80 brasileiros deixou 14 feridos, dos quais sete em estado grave. Conforme a embaixada, o ataque teria sido uma retaliação à morte de um morador local.

Os brasileiros que vivem em Albina trabalham no garimpo de ouro, atividade proibida no Suriname, e vivem, em sua maioria, ilegalmente no país, informou a embaixada. Albina tem cerca de 10 mil habitantes e fica na fronteira do Suriname com a Guiana Francesa.

O embaixador informou que não é possível estimar a quantidade de brasileiros que vivem em Albina porque a maioria é nômade, vive um pouco para atuar no garimpo, morando em tendas plásticas, e vai embora.

O embaixador José Luiz Machado e Costa afirmou que houve um "ataque brutal aos brasileiros" e que os surinameses estupraram mulheres e atacaram o grupo de brasileiros com facões.

"Os golpes de facão produzem ferimentos graves e pode ser que o número de mortos aumente", disse o embaixador. Segundo ele, uma equipe da embaixada está no hospital para obter a identidade dos brasileiros e analisar quais são as necessidades imediatas.

"A situação é bastante complicada e hoje a embaixada está montando uma espécie de multirão de emergência. Estamos em contato com os ministros locais da Defesa e da Justiça", afirmou o embaixador.

Os brasileiros que não se feriram foram hospedados em dois hotéis, disse ele e cerca de 30 vão ser interrogados pelas autoridades locais. Do grupo que atacou os brasileiros, quatro pessoas estão presas e as autoridades surinamesas investigam se há outros envolvidos.

Na avaliação da embaixador, o governo surinamês está sendo muito atencioso com os brasileiros. "Hoje o exército e a polícia estão voltando a Albina para uma avaliação geral. Os ministros foram para a televisão na noite de sexta (25) e pediram oficialmente desculpas aos brasileiros, o que demonstra um especial cuidado e apreço pelos brasileiros."

O embaixador afirmou ainda que o Ministério das Relações Exteriores ofereceu um avião da Força Aérea Brasileira para enviar ajuda aos brasileiros atacados, mas ainda depende do posicionamento das autoridades surinamesas. "Isso é um assunto interno do Suriname e não podemos interferir na soberania do país."

O embaixador afirmou que nunca houve precedente de desentendimento entre locais e brasileiros. "A relação de integração no Suriname é completa e temos total simpatia com eles. Eu acredito que tenha sido mais uma atitude de massa, começa um quebra-quebra e a coisa sai do controle. Não qualificaria como ressentimento."

Cerca de 18 mil brasileiros vivem no Suriname, segundo a embaixada. O país tem uma população de cerca de 500.000 habitantes, e sua economia é baseada, principalmente, na mineração.

Vermelho


Perspectivas para 2010


É, faltam cinco dias para o ano 2010 começar e eu ainda não fiz meus planos, nem a curto, médio e o que direi então do a longo prazo.

Sei que precisamos traçar metas, traçar mesmo, não apenas pensar, "vou fazer isto, depois isto e depois aquilo outro". É preciso escrever, é preciso planejar com cuidado, projetando cada etapa em seu devido tempo e ir executando cada uma delas sem pular nenhuma. Não adianta irmos para uma etapa sem concluir a anterior.

A cada etapa concluída, você se sentirá mais animado, mais fortalecido para a próxima etapa, que com certeza não será mais fácil que a anterior. Podemos então dividi-lo em semanal, quinzenal, mensal, ou bimestral, mais que isso, nos leva a ir prorrogando e acabaremos não executando nosso projeto.

Então, qual é a sua prioridade?
Entrar para a Faculdade, Seu primeiro emprego, Seu primeiro Carro, Uma Bela Viagem, Uma Bela Casa, Seu Casamento, Filhos, Aposentadoria,
Felicidade?

Bem, para quaisquer que sejam o seus Sonhos, tenho certeza que vai precisar de algo
imprescindivel.

Para qualquer dos sonhos acima, você vai precisar, com certeza, de
Dinheiro , mesmo que você já tenha algum, você vai precisar de mais, muito mais. Você vai precisar de dinheiro a vida toda. Até para morrer vai ter que ter algum, imaginem, então para viver.

E
Dinheiro, é o que não falta nesse mundo. Já percebeu a quantidade de dinheiro que tem na sua cidade, no seu estado, no seu país, nos outros países. Então imaginem no planeta, é uma quantidade imensa, e, acredite está à sua disposição, esperando por você. O dinheiro a princípio não tem dono, ele passa de mão em mão, conta em conta, ele está sempre circulando, basta , quando ele passar por você, com honestidade e sabedoria, agarra-lo com toda firmeza e pronto.

Dinheiro é uma coisa que não vemos em quantidade, como os postes nas ruas, as estrelas no céu, a torcida do Flamengo, a torcida do Corinthians, mas acredite, eles estão por ai e bem pertinho de você.

Mas por quê estou escrevendo sobre Dinheiro?

Porque acredito ser a prioridade da maioria das pessoas. Alguém vai ter que pagar pelos seus sonhos e seus desejos, seus estudos seu lazer e etc., ou não? E não há nada mais honesto, honroso, gratificante, do que você mesmo arcar com suas despesas e seus gastos.

Lembro muito bem do meu primeiro emprego, meu primeiro salário, meu primeiro carro, minha casa, meu casamento, meu primeiro filho, ah, e minha faculdade, mas lembro ainda, da minha aposentadoria e minha felicidade. A cada conclusão dessas etapas experimentei uma alegria imensa, cada uma delas representava o meu trabalho, o meu esforço para atingí-lo. Agora, imaginem vocês mesmo os frutos.

Eu desejo a você, que no seu projeto de vida para 2010, tenha como etapa final, a
felicidade e que a primeira etapa seja aquela que vai dar uma trajetoria honesta e cheia de vitórias para você. Lembre-se nada é construído sem esforço, sem trabalho e sem dedicação, o que passar disso é ilusão.

O segredo de progredir é começar. O segredo de começar é dividir as tarefas árduas e complicadas em tarefas pequenas e fáceis de executar, e depois começar pela primeira.

Espero que não, mas daqui a alguns anos você poderá estará mais arrependido pelas coisas que não fez do que pelas que fez. Então solte suas amarras neste ano de 2010. Afaste-se do porto seguro e da acomodação. Agarre o vento em suas velas. Explore, Sonhe, Descubra.

Desejo a você que em 2010 seja um ano Próspero, Cheio de Paz Alegria e Feilicidade.


Para quem quer ter uma nova vida em 2010. Clique
Aqui ou Aqui e aproveite.

V.A

sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

O Homem com um gato no corpo - Impressionante

video

Metacafe

Renda Extra


Quer ter uma renda extra que pode extrapolar seus ganhos atuais. Pagar os estudos dos filhos, uma nova casa, uma viagem fenomenal. Dinheiro não cai do céu. Maãos a obra.
Clique Aqui e experimente


Descubra como ganhar quantias obscenas de dinheiro usando o mínimo esforço. E o melhor: comece em menos de 24 hs!
Venha Fazer Parte da Mais Próspera Indústria do Século! Ganhe Dinheiro Todos os Dias com o Renda Software!


2009 em Fotos

O ano de 2009 está chegando ao fim, e é hora de olhar para trás nos últimos 12 meses através de fotografias. Histórico eleições foram realizadas no Irã, Índia e Estados Unidos, algumas guerras, China completou 60 anos, e o Muro de Berlim foi lembrado 20 anos depois que caiu. Cada foto conta a sua própria história, fazendo juntas a história de 2009.


Fogos de artifício iluminam o Portão de Brandenburgo em Berlim, 9 de novembro de 2009, durante as celebrações para marcar o 20 º aniversário da queda do Muro de Berlim. (REUTERS / Wolfgang Rattay)


A nova torre solar PS20 na Plataforma Solucar em Sanlúcar la Mayor, sul da Espanha, em 23 de setembro de 2009. PS20, uma das mais poderosas torre solar comercial do mundo, consiste em um campo solar composto de 1.255 espelhado heliostats visando a torre, produzindo vapor que é convertido em eletricidade por uma turbina. (AP Photo / Miguel Angel Morenatti)


Um folião da Leandro de Itaquera no desfiles das escolas de samba no Sambódromo, como parte das comemorações do carnaval em São Paulo, Brasil, na noite de 21 de fevereiro de 2009. (Maurício Lima / AFP / Getty Images)


Partidários do presidente deposto de Honduras 'Manuel Zelaya em confronto com os soldados perto da residência presidencial de Tegucigalpa, segunda-feira 29 de junho. 2009. (AP Photo / Esteban Felix)


Ted Kennedy Jr. beija o caixão de seu pai na Basílica Nossa Senhora do Perpétuo Socorro durante uma missa no bairro de Mission Hill de Boston em 29 de agosto de 2009. O presidente Barack Obama, e três ex-presidentes e da elite de uma nação reuniram-se na chuva para assistir a um grande funeral católico de Ted Kennedy, patriarca da América . (Jewel Samad / AFP / Getty Images)


A mulher hindu devota, oferece orações após tomar um banho santo nas águas do rio Ganges, na cidade indiana de Allahabad 4 de maio de 2009. (REUTERS / Jitendra Prakash)


Uma menina e seu cachorro olha para fora de um veículo, ela e sua família esperam o certificado de segurança em um posto de controle na periferia de Bannu, uma cidade na beira da região tribal paquistanesa do Waziristão, quinta-feira, 22 outubro, 2009, para fugir de uma ofensiva militar no sul do Waziristão. As tropas paquistanesas e os talibãs travaram intensos combates no Waziristão, um refúgio de militantes perto da fronteira afegã, com ambos os lados reivindicando vitórias no início de uma campanha do Exército que poderiam moldar o futuro da luta do país contra o extremismo. (AP Photo / Ijaz Muhammad)


Uma erupção no Monte. Reduto de visitas ao pôr do sol do cockpit de um DC-6 que sobrevoam Cook Inlet perto de Anchorage, no Alasca em 31 de março de 2009. Fotografia gentilmente cedida por Bryan Mulder - piloto e fotógrafo. (© Bryan Mulder)


Delhi Metro Rail Corporation (DMRC) empregados no trabalho nos últimos segmentos de molde pré (anéis) da Fase II do projeto de construção do túnel subterrâneo entre bairros e Jangpura Lajpat Nagar em Nova Deli em 12 de outubro de 2009. (MANAN Vatsyayana / AFP / Getty Images)


Um casal passeia em uma canoa, através da famosa Atlanta Krog túnel em 21 de setembro de 2009, após as cheias de seguidas chuvas em toda a região. (© Caroline Smith)


Um fuzileiro naval dos E.U. da 2ª Marine Expeditionary Brigade corre para um lugar de segurança após uma explosão em IED Garmsir, distrito da província de Helmand, no Afeganistão em 13 de julho de 2009. Dois soldados E.U. Marine morreram quando a explosão ocorreu. (MANPREET Romana / AFP / Getty Images)


Um fuzileiro naval E.U. da Fox, 2 ª Companhia do Batalhão 3 Marines, com seu pelotão a procura de casas para os dias durante da Operação Germinar, na conturbada Bhuji Bhast Passe, Província de Farah, no sul do Afeganistão, em 8 de outubro de 2009. O Bhuji Bhast Pass é efetivamente um corredor talibã, minado com IEDs de um extremo ao outro, e forrado com aldeias que são hostis à presença das tropas ocidentais. (DAVID FURST / AFP / Getty Images)


Virgin Galactic SpaceShipTwo é revelada em Mojave, Califórnia 7 de dezembro de 2009. Bilionário Richard Branson revelou nesta segunda-feira a primeira nave de passageiros comerciais, um elegante em preto e branco que representa uma aposta na criação de uma sofisticada e cara indústria do turismo espacial comercial. (REUTERS / Phil McCarten)


Uma mulher norte-coreana que transporta água coletada do rio Yalu, na cidade norte-coreana de Hyesan, com a fronteira da China em Changbai, 6 de abril de 2009. (REUTERS / Reinhard Krause)


Um competidor cruza a linha de chegada durante a Bog Snorkeling Championships em Peatlands Park, na Irlanda do NorteDungannon, Condado de Tyrone 26 de julho de 2009. (REUTERS / Cathal McNaughton


Dwight Howard do Orlando Magic durante o seu 1º. jogo de basquete na NBA contra o Los Angeles Lakers em Los Angeles, 4 de junho de 2009. (REUTERS / Lucy Nicholson)


Wadee Daoud, de cinco anos, reage à luz depois que um professor abriu as cortinas da janela de sua sala de aula no Centro Helen Keller para crianças cegas e deficientes visuais, no bairro de Jerusalém Oriental de Beit Hanina 10 de setembro de 2009 . O Centro foi fundado como um lar para meninas cegas pelo Inglês missionário, Mary Lovell, na década de 1890. (REUTERS / Yannis Behrakis)


Uma mulher local usando uma muleta manda mensagens aos soldados chineses vestindo equipamento anti-motim com uma multidão de moradores irritados em confrontar as forças de segurança, em uma rua na cidade de Urumqi Xinjiang na China, Região Autónoma, em 7 de julho de 2009. Centenas de manifestantes entraram em confronto com Uighur polícia na capital da China, região muçulmana de Xinjiang, na terça-feira, dois dias após distúrbios étnicos deixaram 156 mortos e mais de 800 feridos. (REUTERS / David Gray)


Owen Rabago (à esquerda) limpa uma lágrima no rosto de seu pai, Especialista Sheldon Rabago, como sua mãe, Nancy envolve seus braços em volta de ambos durante uma vigília com velas no Estádio do Exército de Fort Hood Post em Fort Hood, Texas 6 de novembro , 2009. Um dia antes, um psiquiatra do Exército abriu fogo contra o posto, matando 13 pessoas e ferindo 30 outras. (REUTERS / Jessica Rinaldi)


Uma cena de Hill Cooper no anual de Cheese-Rolling and Wake realizada perto de Gloucester, na Inglaterra. Após esta corrida notoriamente perigosas para o queijo, o homem de cabeça para baixo foi levado para o hospital. (© Vontade De Freitas)


Uma parte da redação do Rocky Mountain News fica vazio em 27 de fevereiro de 2009, em Denver, Colorado. A edição na sexta-feira 27 foi a última para os quase 150 anos do jornal mais antigo do Colorado. O proprietário EW Scripps Co. anunciou na véspera o encerramento foi inevitável, após os esforços para vender o jornal. (John Moore / Getty Images)


Os oficiais da polícia detem um suspeito de ser militante após um tiroteio em um centro de treinamento da polícia, em Lahore, 30 de março de 2009. Forças de segurança paquistanesas tomaram o controle da academia de polícia, em Lahore, na segunda-feira depois que militantes invadiram o complexo, matando pelo menos oito cadetes e ferindo outros. (REUTERS / Mohsin Raza)


Miss E.U.A., Kristen Dalton, aplica o batom enquanto posa para os fotógrafos no Topo "da plataforma de observação do Rock" no Rockefeller Center em Nova York, 2 de setembro de 2009. (REUTERS / Lucas Jackson)


Os pais chineses se reúnem para dormir em um auditório depois que acompanhavam seus filhos para a universidade para começar seu primeiro semestre em Wuhan, na província central chinesa de Hubei, 7 de setembro de 2009. (STR / AFP / Getty Images)


Uma menina ferida chora durante uma evacuação após um terremoto que atingiu Padang, na ilha de Sumatra, Indonésia 30 de setembro de 2009. Um terremoto de magnitude 7,6 atingiu a cidade de Padang, na ilha indonésia de Sumatra em 30 de setembro de 2009, matando mais de 1.000 pessoas. (REUTERS / Muhammad Fitrah / Singgalang Newspaper)


Arvores fora de Kinglake que foram destruídas pelo fogo são vistos a partir desta tomada aérea em 8 de fevereiro de 2009. Mais de 170 pessoas foram mortas e cidades inteiras destruídas em um dos piores desastres de incêndios na história australiana, onde milhares fogem, o ministro Kevin Rudd, compara o desastre com o "inferno". (MARK SMITH / AFP / Getty Images)


Maldivas, o Ministro daPesca e Agricultura, Ibrahim Didi assina uma declaração convidando os países a reduzir as emissões de dióxido de carbono antes de uma importante conferência sobre mudança climática da ONU em dezembro, nas Maldivas, 17 de outubro de 2009. . (REUTERS / Maldivas Governo)


Um foguete disparado por militantes palestinos no norte da Faixa de Gaza voa para um alvo israelense sexta-feira 2 janeiro, 2009. (AP Photo / Bernat Armangue)


Um menino israelense toma cobertura sob uma mesa em um abrigo de bomba em uma escola em Jerusalém 2 de junho de 2009, depois que uma sirene soou durante um exercício de defesa civil nacional simulando um ataque com foguetes. (REUTERS / Ronen Zvulun)

Um colono judeu (direita) em uma mensagem ao manifestante palestino durante um protesto contra um posto ilegal, próximo ao assentamento israelense de Kharsina na cidade de Hebron em 22 de maio de 2009. (HAZEM Bader / AFP / Getty Images)


O vaivém espacial da Atlantis / NASA, e do telescópio espacial Hubble são vistas em silhueta, lado a lado durante o trânsito solar em 13 de maio de 2009, do oeste de Vero Beach, na Flórida nesta imagem liberada pela NASA em 14 de maio. As duas naves foram a uma altitude de 600 km (375 milhas) durante uma missão arriscada, mas bem-sucedida para salvar o telescópio Hubble. (REUTERS / Thierry Legault / NASA / Handout)


Uma menina mergulha em um lago a 100 km (62 milhas) a oeste de São Petersburgo, Rússia, neste 7 de agosto de 2009 foto. (AP Photo / Dmitry Lovetsky)


Os cientistas no centro de controle do CERN comemorar após a bem sucedida operação de reinício do Large Hadron Collider (LHC), em 20 de novembro de 2009, perto de Genebra, na Suíça. O porta-voz do CERN, James Gillies disse que as injeções durou uma fração de segundo, o suficiente para "um meio ou até mesmo um circuito completo" do Large Hadron Collider que mede 27 quilômetro (17 milhas) de comprimento abrangendo a fronteira franco-suíça perto Genebra. (Stringer / AFP / Getty Imag


Sete vezes vencedor do Tour de França de bicicleta, da equipe Astana (AST) 's, Lance Armstrong em um dos passeios dos Estados Unidos sob fortes chuvas, em 17 de julho de 2009, no km 200, na décima terceira etapa da Volta da França 2009 de ciclismo, corre entre Vittel e Colmar. Armstrong entrou para terminar a turnê em terceiro lugar, atrás do vencedor Alberto Contador. (JOEL SAGET / AFP / Getty Images)


Um carro serve de bomba em um desfile que estava a rainha Beatrix e a família real no feriado nacional do Queen's Day, na cidade holandesa de Apeldoorn 30 de abril de 2009. Dez pessoas ficaram feridas e oito morreram no ataque, incluindo um funcionário de 38 anos, que quase perdeu o ônibus que transportava a rainha Beatrix a família real. (REUTERS / Robin Utrecht / exterior)


A ginasta na trave durante uma sessão de treinos para o Mundial de Ginástica na arena O2, em Londres, segunda-feira, outubro 12, 2009. (AP Photo / Alastair Grant)


Militantes do Islã Hizbul retiram do buraco, o corpo ensangüentado de Mohamed Ibrahim, 48 anos, após o apedrejamento até a morte julgado por ter relação sexual ilícita com uma mulher no bairro de Afgoye, Somália em 13 de dezembro de 2009. Ibrahim foi condenado à morte por um tribunal islâmico local depois que ele foi considerado culpado de infidelidade. (REUTERS / Stringer)


Um caçador segura seu falcão durante uma competição anual de caça em Chengelsy Gorge, cerca de 150 km (93 milhas) a leste de Almaty, no Cazaquistão, em 5 de dezembro de 2009. (REUTERS / Shamil Zhumatov)


E.U. suboficial da marinha Bill Mesta, substitui uma imagem oficial do atual presidente George W. Bush com a do recém-empossado Presidente E.U. Barack Obama, no átrio da sede os E.U. Base Naval de 20 de janeiro de 2009 na Baía de Guantánamo, Cuba. (Brennan Linsley-Pool/Getty Images


Torcedores demonstram alegria durante a cerimônia de abertura do Sub-20 Copa do Mundo, em Alexandria, Egito, 24 de setembro de 2009. O Egito jogou contra Trinidad e Tobago no jogo de e abertura, vencendo a partida por 4-1. (REUTERS / Marko Djurica)